Roma baniu torcedor por insultos racistas a Juan Jesus

Zagueiro brasileiro foi vítima de preconceito, assim como Lukaku, que também atua na Itália, na Inter de Milão

Juan Jesus, zagueiro da RomaJuan Jesus, zagueiro da Roma - Foto: Divulgação / Twitter

A Roma anunciou nesta sexta-feira (27) que decidiu banir por toda a vida a presença em suas partidas do torcedor que publicou mensagens racistas na internet contra o zagueiro brasileiro Juan Jesus.

O clube explicou no Twitter que apresentou denúncia à polícia contra o titular de uma conta no Instagram por "insultos racistas repugnantes" contra Juan Jesus. O internauta chamou o jogador de "maldito macaco". "A pessoa responsável será banida das partidas da Roma por toda a vida", destacou o clube".

Leia também:
Jogador brasileiro é vítima de racismo e jogo é paralisado na Itália
Zenit vê má interpretação em caso de racismo contra Malcom
Jornalista é afastado por comentário racista sobre Lukaku


As partidas da Série A italiana registram com frequência episódios de racismo. Na atual temporada, o belga de origem congolesa Romelu Lukaku (Inter de Milão) e o marfinense Franck Kessié (Milan) foram vítimas de gritos de macaco, que não resultaram em punição para os torcedores.

Veja também

Ministério da Saúde aprova estudo sobre volta das torcidas em estádios de futebol
Futebol

Ministério da Saúde aprova estudo sobre volta das torcidas em estádios de futebol

Michael Jordan amplia negócios e vira sócio de equipe da Nascar
Esportes

Michael Jordan amplia negócios e vira sócio de equipe da Nascar