A-A+

Rüdiger, do Chelsea, foi vítima de racismo contra o Tottenham

As câmeras da transmissão mostraram ele indicando que viu e ouviu torcedores dos Spurs imitando macacos

Rüdiger em ação contra o TottenhamRüdiger em ação contra o Tottenham - Foto: ADRIAN DENNIS / AFP

O jogo já estava 2x0 para o Chelsea sobre o Tottenham, na casa do rival, quando, aos 31 minutos do segundo tempo, precisou ser paralisado por atos de racismo nas arquibancadas. O alvo neste domingo (22) foi o zagueiro Rüdiger, 26.

As câmeras da transmissão mostraram ele indicando que viu e ouviu torcedores imitando macacos. Na entrevista após a partida, o técnico Frank Lampard confirmou que seu jogador o informou sobre as manifestações racistas, e que ele repassou a informação ao juiz.

O árbitro seguiu o protocolo da Fifa, paralisou o jogo e os alto-falantes do estádio foram acionados, emitindo três alertas sonoros aos torcedores.

"Comportamento racista dos torcedores interferem na partida", disse o aviso. "Por favor, lembrem que não há espaço para racismo no futebol."

"Eu avisei o juiz imediatamente [após o Rüdiger me falar] e deixei ele fazer o trabalho dele. Estamos preocupados e atentos a este comportamento e precisamos parar isso. Agora eu espero que tudo se resolva e que isso seja erradicado o quanto antes. É um problema não só no futebol, mas na vida", disse o técnico Lampard. O Tottenham disse que está investigando o caso e que tomará a atitude "mais forte possível".

Leia também:
Por reagir a racismo, Taison é punido com um jogo na Ucrânia


O capitão do Chelsea, Cesar Azpilicueta, afirmou após a partida que reportaria o caso. "Temos reuniões com a Premier League após todos os jogos", disse à rede de televisão Sky.

O incidente aconteceu pouco após Rüdiger se envolver em um lance com o atacante Son, do Tottenham, que acabou expulso de jogo após o VAR (árbitro de vídeo) entender que ele agiu violentamente contra o zagueiro do Chelsea.

Os gols da vitória da equipe visitante foram marcados pelo brasileiro Willian, os dois no primeiro tempo.

Com a vitória, o Chelsea chegou a 32 pontos, ficando na quarta posição da Premier League. Já o atual vice-campeão da Champions League, o Tottenham, seguiu com 26 pontos, na sétima colocação.

Veja também

SDS garante presença de segurança pública nos estádios
Futebol

SDS garante presença de segurança pública nos estádios

Pregando discurso apaziguador, presidente interino e CEO são apresentados no Arruda
Futebol

Pregando discurso apaziguador, presidente interino e CEO são apresentados no Arruda