Rumores esquentam Fórmula 1 antes do início da temporada

Atualmente na Mercedes, o britânico Lewis Hamilton tem contrato até o fim de 2018, mas é cogitado na Red Bull

Lewis HamiltonLewis Hamilton - Foto: AFP

A temporada 2018 da Fórmula 1 nem realizou sua primeira corrida, mas o noticiário envolvendo a dança das cadeiras para 2019 já começa a esquentar. Na Red Bull, o australiano Daniel Ricciardo tem contrato com a escuderia até o final deste ano. Por enquanto, decide se permanece ou se corre atrás de um carro mais competitivo.

Com uma vaga aberta, a equipe teria candidatos para ocupá-la. A imprensa europeia chegou a cogitar inclusive o britânico Lewis Hamilton, dono de quatro títulos mundiais -inclusive o de 2017- e atualmente na Mercedes.

Hamilton negocia a renovação de seu compromisso, que também termina no fim de 2018. Segundo o jornal Daily Express, o britânico deve assinar um contrato de 40 milhões de libras (pouco mais de R$ 183 milhões em valores atuais) para a disputa da temporada 2019 da F-1 pela equipe alemã. Enquanto a situação não se define, a Red Bull despista.

"Lewis também fica sem contrato neste ano. É difícil imaginá-lo deixando a Mercedes, mas acho que você nunca pode dizer nunca", afirmou Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, em entrevista à CNN Sport. O dirigente, porém, admite a permanência de Ricciardo como meta.

"Nossa prioridade é manter os dois pilotos que temos. Eu ficaria muito surpreso se ele (Hamilton) fosse embora. Mas não será um acordo barato para a Mercedes desta vez", acrescentou.

No entanto, há um terceiro nome na briga pela vaga ao lado de Max Verstappen em 2019 -e com força. Ainda contratado pela Red Bull, o espanhol Carlos Sainz corre pela Renault em 2018, e pode "voltar" à equipe depois de ter corrido pela Toro Rosso, time satélite da Red Bull.

"Acho que não há mais segredos a respeito de minha situação contratual no momento", afirmou o espanhol recentemente. "Mas, honestamente, seria muito estúpido fala sobre 2019 quando 2018 nem mesmo começou", resumiu.

Veja também

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius
Futebol

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'
Manifestação

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'