Tênis

Rússia é substituída pela Sérvia na Copa Davis; Brasil pode herdar vaga na fase final

O Brasil disputa a vaga com mais onze países

Equipe brasileira da última Copa Davis Equipe brasileira da última Copa Davis  - Foto: Divulgação/ CBT

A Rússia, atual campeã da Copa Davis, será substituída pela Sérvia na fase final do torneio, em setembro, sendo assim excluída de mais uma competição internacional devido à guerra na Ucrânia, anunciou nesta segunda-feira (14) a Federação Internacional de Tênis (ITF).

A Sérvia, escolhida por “ser a equipe com a melhor classificação nas semifinais de 2021”, já havia recebido um convite para ir diretamente para à fase final do torneio. Com a decisão da ITF de colocá-la no lugar da Rússia, outro país receberá esse convite. Entre os cotados está o Brasil.

O novo convidado será uma das “12 nações eliminadas na fase de classificação realizada em 4 e 5 de março”, segundo a Federação. Com isso, além do Brasil a vaga pode ficar com Áustria, Canadá, Colômbia, Equador, Eslováquia, Finlândia, Hungria, Japão, Noruega, República Tcheca ou Romênia.

Assim como a Rússia, Belarus também ficará de fora da fase final da Copa Davis, com a Bélgica entrando em seu lugar. O mesmo irá acontecer no torneio feminino, a Copa Billie Jean King (antiga Fed Cup), no qual a Austrália e México herdarão as duas vagas, informou a ITF.

Veja também

"Acreditaram em mim": Como a vítima reagiu à condenação de Daniel Alves por estupro
CASO DANIEL ALVES

"Acreditaram em mim": Como a vítima reagiu à condenação de Daniel Alves por estupro

Daniel Alves preso, Robinho solto: entenda por que ex-jogadores vivem situações jurídicas distintas
ex-jogadores

Daniel Alves preso, Robinho solto: entenda por que ex-jogadores vivem situações jurídicas distintas