Salino deixa Robinho confuso por causa de irmão gêmeo

Volantes de ofício e polivalentes, Leandro Salino e Léo Salino sonham em jogar juntos um dia

Volante Leandro Salino em sua apresentação oficial no Santa Cruz Volante Leandro Salino em sua apresentação oficial no Santa Cruz  - Foto: Daniel Lima/Folha de Pernambuco

 

Uma história curiosa foi revelada na apresentação oficial do volante Leandro Salino como novo reforço do Santa Cruz para a temporada 2018. O recém-contratado contou na entrevista coletiva que foi confundido pelo atacante Robinho com seu irmão gêmeo, Léo Salino, que atualmente defende o Tupi/MG, onde é capitão e disputa o Campeonato Mineiro. Além da fisionomia idêntica, ambos são volantes de ofício e têm 32 anos de idade. Eles ainda são versáteis. O primeiro deles atua como lateral-direito, enquanto o outro exerce a função de meio-campista quando é necessário improvisar.

“Logo quando cheguei aqui, no primeiro dia de trabalho, Robinho se confundiu. Comentei até com Fabinho Alves (atacante): ‘Ele acha que é meu irmão, mas eu não sou Léo, aqui é Leandro’. Os dois (Robinho e Léo Salino) jogaram juntos no Cuiabá. Na minha passagem no Vitória, muita gente do elenco já confundia. Quando voltei para o Brasil, acabei tirando as minhas tranças do cabelo e ficamos ainda mais parecidos. O meu irmão é um pouco mais alto que eu, mas temos as mesmas características de jogo”, disse e arrancou risadas da imprensa.

Faltou pouco para os irmãos gêmeos formarem uma parceria no mesmo time. Antes de assinar contrato com o Santa até o fim do Campeonato Brasileiro da Série C, Leandro Salino iria acertar com o Tupi/MG, clube atual de Léo Salino. Eles iniciaram a carreira em equipes mineiras, porém nunca atuaram juntos. Inclusive, é um sonho da dupla.

“Nunca joguei com ele, mas começamos em Minas Gerais. Eu no Cruzeiro e ele no Ipatinga. Temos o desejo de jogar juntos. Este ano, antes de fechar com o Santa Cruz, quase assinei com o Tupi devido a esse sonho. Ele (irmão) está lá. Como tive o convite do Santa, dei uma adiada. No futuro a gente pensa em formar uma dupla de irmãos volantes. Ele é capitão lá e está feliz”, encerrou.

 

Veja também

Confuso, Náutico perde para o CSA e ingressa no Z4 da Série B
Série B

Confuso, Náutico perde para o CSA e ingressa no Z4 da Série B

Thiago Duarte comemora vitória do Santa Cruz e fala em evolução da equipe
Futebol

Thiago Duarte comemora vitória do Santa Cruz e fala em evolução da equipe