Santa busca mística entre base, ‘apostas’ e experiência

Elenco diverso e com peças diferenciadas segue o lema da reformulação do elenco da Cobra Coral

Nei Pandolfo, executivo de futebol do Santa CruzNei Pandolfo, executivo de futebol do Santa Cruz - Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz

O Santa Cruz, enfim, parece acordado para 2020. Depois das contratações do técnico Itamar Schulle e do atacante Mayco Felix, primeiro reforço para o próximo ano, a Cobra Coral aos poucos recupera a forma, ainda na corrida contra o tempo para oficializar os jogadores que estão ao seu alcance o mais rápido possível. Mas diferente do que visto há duas semanas, o Tricolor volta sua atenção ao perfil do elenco que disputará a Série C do ano que vem, sob uma mística que envolve jovens promessas da base, projeções e experiência.

O diretor remunerado de futebol do clube, Nei Pandolfo, destacou como o Santa deve começar o ano. “Um pouco de cada coisa. Vamos utilizar um pouco da base, atletas que tiveram um empenho nos campeonatos regionais pelo Brasil a fora, que são promissores e uma parte do elenco mais encorpada”, afirmou.

Dentro do que o executivo de futebol tricolor chamou de 'parte do elenco mais encorpada' podem estar inclusos o lateral-esquerdo Roberto, o meia Daniel Costa e o goleiro Tiago Cardoso, velhos conhecidos pelas bandas do Arruda. Os três estão na mira do Santa e interessam para o próximo ano, apesar de salários incompatíveis aos que o clube pode pagar no momento, conforme confirmado à Folha de Pernambuco pelo diretor remunerado de futebol do Santa. Ciente disso, mas sem abrir brechas para definições, Nei Pandolfo segue na espera de avanços com esses jogadores.

Leia também:
Executivo de futebol do Santa confirma contato com Daniel Costa e Roberto 
Itamar Schulle prega união para conquistar objetivos no Santa Cruz
Stadium é o novo patrocinador master do Santa Cruz

Com 29, 31 e 35 anos de idade, respectivamente, o trio já vestiu a camisa da Cobra Coral, sendo Tiago Cardoso um dos jogadores que construiu imagem de ídolo e fez história no clube, com a conquista de cinco títulos pernambucanos, três acessos, um nacional e uma Copa do Nordeste.

Enquanto as concretizações não chegam, o Tricolor conta com as negociações adiantadas e as já confirmadas, faltando apenas a assinatura dos contratos. Caso dos atacantes Mayco Felix, jogador que se destacou pelo Amparo/SP, com 14 gols em 21 jogos pela segunda divisão do Campeonato Paulista sub-23, e Pedro Maycon, de 25 anos, que recentemente foi campeão da Série A2 do Campeonato Pernambucano com o Decisão Bonito. 

"Tem pelo menos uns quatro atletas nesse perfil. Estamos encaminhando algumas coisas mais avançadas, mas ainda falta finalizar alguns detalhes”, destacou o executivo de futebol do Santa. Entre os garotos da base, o Santa desde o ano passado observa algumas "jóias", que podem elevar o nível do elenco na busca pelo acesso à Série B. Este ano, entre os apontados, estão os meias Felipe Cabeleira e Vinícius Diniz, dois dos destaques coral nesta edição da Copa Pernambuco.

Veja também

Seleção brasileira de rugby lança websérie com equipe feminina
Rugby

Seleção brasileira de rugby lança websérie com equipe feminina

Palmeiras goleia Corinthians e acaba com série invicta do rival
Campeonato Brasileiro

Palmeiras goleia Corinthians e acaba com série invicta do rival