Santa corre o risco de fazer sua pior campanha no Brasileirão de pontos corridos

Tricolor somou apenas 28 pontos na Série A 2006. Neste ano, o time tem apenas 23, faltando seis rodadas para o final do torneio

Adriano Teixeira preferiu não citar culpados sobre quedaAdriano Teixeira preferiu não citar culpados sobre queda - Foto: Bruno Campos/Folha de Pernambuco

Torcer por uma reação histórica e uma combinação quase inacreditável de resultados dos rivais para se livrar do rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro não faz mais parte dos planos do Santa Cruz. A queda é certa. Se a matemática aponta 99,9% de chances, a realidade crava os 100%. São poucas as motivações dos tricolores nesta reta final de temporada. Uma delas é evitar que o desempenho de 2016 seja ainda pior do que o de 2006, ano em que o clube disputou sua primeira edição do Brasileirão no sistema de pontos corridos.

Há 10 anos, o Santa Cruz encerrava sua participação na Série A do Campeonato Brasileiro com 28 pontos, na lanterna da competição. Em 38 jogos, o time venceu apenas sete, mesma quantidade de empates. Nas demais 24 partidas, os tricolores saíram derrotados. Foram 41 gols marcados (3º pior ataque) e 76 sofridos (pior defesa). Um aproveitamento de 24,5%.

Faltando seis rodadas para o término do Brasileirão, o Santa precisa somar mais seis pontos para ultrapassar a marca de outrora. Em 32 jogos, o Tricolor venceu apenas seis, empatando cinco e perdendo em 21 oportunidades. Os pernambucanos marcaram 35 gols e sofreram 58. Falta fazer sete tentos para passar a quantidade de 2006. Com relação aos números defensivos, a tendência é que a Cobra Coral não termine o torneio com tantos gols tomados como na edição de 2006. Para isso, basta não ser vazada mais de 18 vezes até o apito final da 38ª rodada.

Na próxima rodada o Santa Cruz visita o Internacional, no Beira-Rio. Os últimos cinco jogos do Tricolor serão contra América/MG, Coritiba, Atlético/MG, Grêmio e São Paulo.

Veja também

Santa Cruz estende o contrato de três jogadores até o fim da Série C
Futebol

Santa Cruz estende o contrato de três jogadores até o fim da Série C

Martelotte e dois jogadores do Santa Cruz testam positivo para a Covid-19
Futebol

Martelotte e dois jogadores do Santa Cruz testam positivo para a Covid-19