Santa Cruz cede empate ao Salgueiro e segue sem vencer

Mais do mesmo: tricolores abrem o placar na etapa inicial, mas não seguram resultado no Sertão e agonizam em 2018

No estádio Cornélio de Barros, Santa Cruz e Salgueiro ficam no 1x1, pela 5ª rodada do EstadualNo estádio Cornélio de Barros, Santa Cruz e Salgueiro ficam no 1x1, pela 5ª rodada do Estadual - Foto: Darlando Barros/Divulgação

Nada mudou no dia do aniversário de 104 anos do clube. Pela quarta vez em seis partidas disputadas, o Santa Cruz saiu na frente do Salgueiro e sofreu o empate no início do segundo tempo, neste sábado (3), no estádio Cornélio de Barros, pela 5ª rodada do Campeonato Pernambucano. Com o resultado de 1x1 no Sertão do estado, a Cobra Coral acumula um incômodo jejum na temporada 2018 - quatro empates e duas derrotas – e ocupa a vice-lanterna (10ª colocação) no Estadual, com apenas três pontos. O próximo compromisso dos tricolores será pela 2ª rodada do Grupo A da Copa do Nordeste, diante do Treze/PB, terça-feira (6), às 21h45, no Arruda.

Leia também: 

Destaque em empate, Tiago Machowski valoriza resultado 

Júnior Rocha elogia postura dos atletas após cobrança  

Cerveja, música e pelada para celebração dos 104 anos  

O Santa levou um calor do Carcará nos primeiros minutos do confronto. Aos 10, o volante William recebeu um passe do lateral-esquerdo Izaldo, fez o que quis dentro da área, driblando o lateral-esquerdo Henrique Ávila e o volante Luiz Otávio, e acertou a trave do goleiro Tiago Machowski. Em seguida, o meia Escuro cobrou uma falta direto para o gol e a bola passou muito perto. Assim como nos outros jogos, os tricolores exploravam a troca de passes, mas não tinham força ofensiva para criar as jogadas de ataque. A equipe do técnico Júnior Rocha conseguiu equilibrar as ações, porém encontrava dificuldades para neutralizar as investidas do adversário pelos lados do campo. Aos 32, Luiz Eduardo aproveitou o lançamento de Peu, dominou a bola dentro da área e chutou forte. Machowski salvou.

Logo depois, os corais cresceram de produção e chegaram com perigo. O atacante Robinho fez uma boa jogada individual pela ponta direita e cruzou para o meia Jeremias, que chutou prensado e o goleiro Mondragon operou um milagre. Inclusive, a bola chegou a ultrapassar a linha e o árbitro não deu o gol. Aos 41 minutos da etapa inicial, o meia Arthur Rezende levantou no segundo pau, o camisa 1 do Salgueiro saiu mal da meta e Genílson cabeceou para o meio de área. O zagueiro Augusto Silva, livre de marcação, só teve o trabalho de escorar para as redes: 1x0 e fim do primeiro tempo.

Era preciso inteligência e tranquilidade por parte do Santa Cruz para administrar o resultado no segundo tempo, mas o Salgueiro conseguiu deixar tudo igual logo aos 8 minutos. O meia Fabiano bateu uma falta direto para o gol e surpreendeu o goleiro Tiago Machowski, que não alcançou a bola. Com o 1x1 no placar, o duelo ficou em aberto, no entanto morno. O time da casa ainda teve três excelentes oportunidades em bolas aéreas, ambas defendidas pelo camisa 1 coral. Devido às poucas chances e ao cansaço físico dos atletas, o resultado de empate seguiu até o apito final do árbitro Nielson Nogueira Dias.

Ficha técnica

Salgueiro 1
Mondragon, André Victor, Maurício, Luiz Eduardo e Izaldo (Juninho); Peu, Willian, Escuro (Alexon) e Piauí; Fabiano (Neto) e Dadá. Técnico: Paulo Júnior.

Santa Cruz 1
Tiago Machowski; Ítalo, Augusto Silva, Genilson e Henrique Ávila; Jorginho (João Ananias), Luiz Otávio e Arthur Rezende; Robinho, Vinícius (Héricles) e Jeremias (Paulo Henrique). Técnico: Júnior Rocha.
Local: estádio Cornélio de Barros (Salgueiro/PE)
Horário: 20h
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE). Assistentes: Gilberto Freire de Farias e Marcelino Castro de Nazaré (ambos de PE).
Gols: Augusto Silva (aos 41min do 1T); Fabiano (aos 8min do 2T)
Público e Renda: Não divulgados 

Veja também

Hamilton consegue sua primeira vitória da temporada no GP da Estíria
Fórmula 1

Hamilton consegue sua primeira vitória da temporada no GP da Estíria

Secretaria de Saúde cancela clássico catarinense por risco de contágio
Campeonato Catarinense

Secretaria de Saúde cancela clássico catarinense por risco de contágio