Santa Cruz quer vencer Pesqueira para seguir em ascensão

Vindo de bons resultados, time recebe a Águia do Agreste, primeiro de três jogos seguidos pelo Estadual

Augusto, atacante do SantaAugusto, atacante do Santa - Foto: Anderson Stevens/Arquivo Folha

Sem saber o que é perder há cinco partidas - três vitórias e dois empates -, o Santa Cruz chega empolgado para sequência de três jogos seguidos pelo Campeonato Pernambucano, todos eles contra equipes intermediárias. A maratona será iniciada neste domingo, quando a Cobra Coral defende a sua maior invencibilidade na temporada, diante do Pesqueira, às 17h, no estádio do Arruda, pela 9ª rodada.

Leia também:
Repetição do time pela primeira vez depende de Tiago
"Hora de a torcida chegar junto", presidente faz apelo
Após críticas e puxão de orelha, Augusto se compromete

Com a obrigação de se classificar para os mata-matas entre os quatro primeiros colocados, os tricolores querem fazer a diferença dentro de casa para seguirem invictos como mandantes (duas vitórias, ambas pelo Nordestão, e três empates, todos pelo Estadual, com o aproveitamento de 60%). “O campeonato é difícil, até porque não tem ninguém bobo no futebol. Os adversários chegam aqui com o intuito de aprontar”, destacou o meia Hericles.

Motivação não falta para o elenco do Santa, que virou a maré após sofrer uma cobrança maior por conta do início de ano turbulento. “Estamos defendendo um clube de camisa e a pressão sempre existe. Quando a gente não consegue vencer, todo mundo recebe um alerta. Depois da nossa primeira vitória, ganhamos uma confiança maior e agora não perdemos há cinco jogos. Precisamos focar e dar continuidade ao trabalho”, ressaltou o atacante Augusto.

Para não perder o ânimo, os atletas pregam pés no chão. “Os jogos sem derrota ajudam a coroar o que estamos fazendo no dia a dia, mas não podemos ficar presos a isso. Temos que seguir firmes para as coisas melhorarem ainda mais. Se a gente continuar trabalhando com seriedade, vamos manter o clima tranquilo. Nosso grupo é forte e somos capazes de crescer muito. Todo mundo sabe o que quer aqui”, declarou o volante Luiz Otávio.

Time

O técnico Júnior Rocha corre o risco de não poder contar com o goleiro Tiago Machowski, que reclamou de dores no abdômen e foi ausência no penúltimo treino antes do confronto. Caso o camisa 1 tenha condições de atuar, a tendência é que o time, que venceu o CRB/AL por 2x1, pela Copa do Nordeste, seja repetido pela primeira vez no 11º jogo do ano: Tiago Machowski (Ricardo Ernesto); João Ananias, Genilson, Augusto Silva e Henrique Ávila; Jorginho, Luiz Otávio, Daniel Sobralense e Hericles; Robinho e Augusto.

O Santa tem três desfalques confirmados: o lateral-direito Vítor (lesão na coxa direita) e os meias Arthur Rezende (contusão na coxa direita) e Jeremias (transição física) seguem fora de combate.

 

Veja também

Bahia, São Paulo e Vasco conhecem adversários da Copa Sul-Americana
Sulamericana

Bahia, São Paulo e Vasco conhecem adversários da Copa Sul-Americana

Com mais testes, elenco do Santa vai se pondo sob medida para o 'estilo Martelotte'
Santa Cruz

Com mais testes, elenco do Santa vai se pondo sob medida para o 'estilo Martelotte'