PC Gusmão, técnico do Santa Cruz
PC Gusmão, técnico do Santa CruzFoto: Daniel Lima/Cortesia

Fim da era PC Gusmão no Arruda. Com a eliminação nas quartas de final da Copa do Nordeste, o treinador não resistiu ao vexame em casa - derrota de goleada por 4x1 para o ABC/RN - e deixou o cargo no fim da manhã desta quarta-feira (23). Após a demissão do profissional, a diretoria de futebol do Santa Cruz já busca um técnico substituto no mercado, mas sem revelar nomes.

A passagem de Paulo César Gusmão na Cobra Coral foi muito curta. Um pouco mais de um mês, exatamente 34 dias à frente do comando. Com um aproveitamento de apenas 27,7%, o retrospecto do comandante contou só com uma vitória, dois empates e três derrotas em seis jogos disputados. A sequência de dois reveses seguidos dentro de casa custou o seu emprego.

Experiente, o treinador de 55 anos chegou ao Santa no dia 19 de abril como sucessor de Júnior Rocha, técnico que abandonou o projeto do clube para disputar o Campeonato Brasileiro da Série B pelo CRB/AL. A mudança no comando fez o time regredir de rendimento, além de ter prejudicado o planejamento do clube para o restante da temporada 2018.

Leia também:
Santa Cruz é goleado em casa e dá adeus ao Nordestão
Opiniões divididas sobre o futuro de PC Gusmão no Santa Cruz

Desde que foi contratado, a contratação PC Gusmão dividiu opiniões entre os próprios membros da diretoria de futebol do Santa Cruz. O nome não foi consenso. Ainda por cima, houve rejeição de grande parte da torcida e rendeu críticas logo no anúncio oficial do acerto.

Trabalho

Com um perfil totalmente diferente ao de Júnior Rocha, PC Gusmão teve sua metodologia de trabalho questionada. A rotina de treinos se resumia a roda de bobinhos e coletivos. Com poucos treinos táticos e técnicos, ele não conseguiu implementar sua filosofia no Santa. Chegou até a ficar chateado, em uma das entrevistas coletivas, ao ser perguntado se estava se sentindo pressionado no comando. Na ocasião, deixou claro que não temia uma cobrança mais forte. Sua única vitória foi sobre o Globo/RN, de virada, por 2x1, em Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: