Elenco e comissão técnica do Santa Cruz reunidos nos vestiários
Elenco e comissão técnica do Santa Cruz reunidos nos vestiáriosFoto: Santa Cruz/divulgação

Único pernambucano vivo na Copa do Brasil, o Santa Cruz está engordando seus cofres, que pode ficar ainda mais cheios. Após atropelar o ABC/RN – goleada pelo placar de 3x0, no estádio do Arruda –, o Tricolor avançou à quarta fase do torneio mais rentável do futebol brasileiro. Com a classificação, o clube faturou mais R$ 1,9 milhão (bruto), mas a cota sofre um decréscimo por conta dos 36% de desconto (5% INSS; 5% Direito Arena; 6% FPF e pelo menos 20% da Justiça do Trabalho). Já considerando os abatimentos, o valor líquido arrecadado é de R$ 1.216 milhão.

Leia também: 

Santa enche os olhos para a nova bolada da Copa do Brasil 

Santa Cruz cumpre meta na Copa do Brasil e pode faturar mais 

Em caso de classificação para as oitavas de final (5ª fase), a bolada é R$ 2,5 milhões (bruto).  

A reportagem da Folha de Pernambuco fez um levantamento do faturamento bruto e líquido das premiações conquistadas pelo Santa na competição nacional. Na teoria, o clube embolsou R$ 3,920 milhões (valor bruto): R$ 525 mil (participação); R$ 625 mil (avanço à segunda fase), R$ 870 mil (classificação à terceira fase); R$ 1,9 milhão (passagem para a quarta fase).

Na prática, a verba arrecadada é menor porque cada cota sofre uma diminuição. Já levando em consideração os descontos, o Santa Cruz ganhou R$ 2,515 milhão: R$ 336 mil (participação); R$ 406,4 mil (classificação à segunda fase); R$ 556,8 (avanço à terceira fase); R$ 1,216 milhão (passagem para a quarta fase).

Segundo informações apuradas pela Folha de Pernambuco, o Santa ainda não recebeu os valores relativos à classificação à terceira fase da Copa do Brasil - R$ 556,8 mil (cota bloqueada pela 12ª Vara do Trabalho). Agora também fica faltando a premiação pelo avanço à quarta fase (R$ 1,216 milhão). Então, o clube embolsou oficialmente R$ 742,4 mil - R$ 336 mil (participação) e R$ 406,4 mil (classificação à segunda fase). 

Ponto positivo

Diferentemente do ano passado, o Santa Cruz não antecipou cotas. Na temporada 2018, por exemplo, o clube já tinha adiantado verba do Campeonato Pernambucano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: