Pipico, goleador do Santa Cruz
Pipico, goleador do Santa CruzFoto: Kleyvson Santos/Folha de Pernambuco

Às vésperas da decisão contra o Fluminense, o atacante Pipico foi o centro das atenções no Santa Cruz. Sincero, o camisa 9 afirmou que recebeu propostas e deixou seu futuro em aberto ao conceder entrevista coletiva: “Tudo pode acontecer”. A declaração do artilheiro tricolor gerou uma grande repercussão. O presidente Constantino Júnior, inclusive, ficou um pouco irritado com o impacto causado pela imprensa na torcida. No mesmo dia do fato, o mandatário esteve no CT Ninho das Cobras, mas preferiu não falar sobre as especulações. E mandou apenas um recado: “Para tirá-lo do Arruda tem que pagar a multa rescisória".

Leia também: 

Pipico recebe propostas das Séries A e B e tem futuro em aberto

Cobiçado, Pipico volta à terra natal para tentar fazer história 

Artilheiros da Copa do Brasil duelam no Maracanã 

Pipico foi entrevistado pelos jornalistas no início da manhã da última segunda-feira. No período da tarde, ele esclareceu sobre a coletiva em sua rede social.

“Fui perguntado se tenho propostas de outros clubes, sim, de fato fui bastante procurado, graças aos bons resultados que nossa equipe vem apresentando, porém tenho contrato até o fim da série C e cumprirei este contrato com muita vontade e honra. Estou aqui há quase um ano e me sinto em casa. Já conversei com o meu empresário e estamos alinhados no mesmo pensamento: dar continuidade ao trabalho no Santa Cruz e seguir em busca do acesso, que é nosso principal objetivo. Conto com o apoio de todos e meu foco agora é o jogo de quarta-feira!”, declarou, em publicação.

No Santa desde a Série C do ano passado, o atacante tem contrato com o clube até o fim do Brasileiro deste ano. Ele é o artilheiro do elenco na temporada 2019, com oito gols em 14 jogos.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: