Santa mal tocou na bola no primeiro tempo
Santa mal tocou na bola no primeiro tempoFoto: Lucas Mercon/Fluminense FC/Divulgação

O Santa Cruz não deve guardar boas recordações de jogar no Maracanã nesta Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira (17), a Cobra Coral foi derrotada sem muita resistência pelo Fluminense por 2x0, com gols de Gilberto e Luciano. Apesar da derrota, a equipe pernambucana ainda tem chances na competição. Para avançar de fase, precisa bater o Tricolor Carioca no Arruda, na próxima quinta-feira (25), por mais de dois gols de vantagem. Se vencer por dois gols de diferença, a disputa será decidida em cobranças de pênaltis.

O primeiro tempo foi praticamente um pesadelo para o Santa Cruz. Os donos da casa dominaram praticamente do primeiro ao último segundo. Prova disso são os números da etapa inicial: 15 finalizações dos mandantes, além de mais de 70% de posse de bola. O início do jogo já mostrava que os corais iam sofrer. Com apenas 20 segundos de jogo, Yony González quase marcou. Na primeira tentativa, Anderson espalmou. Na segunda, o atacante bateu cruzado, mas mandou para a linha de fundo.

Leia também:
Pipico: 'Dar continuidade ao trabalho no Santa e buscar o acesso'
Sem Allan Dias, Lorenzi e Patrick Vieira são testados no Santa
Após críticas da torcida, Leston reencontra a paz no Santa
Santa tem faturamento líquido milionário na Copa do Brasil 


Aos três minutos, novo susto para os visitantes. O volante Allan mandou de longe, mas a bola saiu. Aos 14, Luciano fez boa jogada pela direita, ajeitou para a canhota e mandou com curva, tirando tinta da trave de Anderson. Depois de tanta pressão, o gol era mera questão de tempo. E ele veio, aos 18 minutos. O lateral-direito Gilberto penetrou na área, recebeu de Yony González e chutou prensado. A bola desviou em Charles e enganou o goleiro coral, morrendo no fundo das redes.

O placar foi logo ampliado. Em nova jogada pela direita, Gilberto tocou de calcanhar para Luciano, que estava fora da área. O atacante bateu de chapa, com a esquerda, marcando um belo gol e fazendo 2x0. A pressão continuou, mas o placar se manteve. No segundo tempo, o Santa tentou reagir. Após chegada de Pipico, a bola sobou para Luiz Felipe, que chutou fraco. Poderia ser ainda pior para os corais, pois Luciano fez aos 30, mas o bandeirinha marcou - erradamente - impedimento, no último lance importante do jogo.

Ficha técnica:

Fluminense 2
Rodolfo; Gilberto, Matheus Ferraz, Nino e Caio Henrique; Allan, Airton (Léo Arthur) e Paulo Henrique Ganso (Dodi); Everaldo, Yony González (Pedro) e Luciano. Técnico: Fernando Diniz

Santa Cruz 0
Anderson; Marcos Martins, William Alves, João Victor e Carlos Renato; Charles, Ítalo Henrique e Allan Dias (Diego Lorenzi); Augusto (Elias), Dudu (Luiz Felipe) e Pipico.
Técnico: Leston Júnior

Local: Maracanã (Rio de Janeiro)
Arbitragem: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e Ciro Chaban Junqueira (ambos do DF).
Gols: Gilberto, aos 18 minutos do 1ºT; Luciano, aos 29 minutos do 2ºT.
Cartões amarelos: Luciano (F), Marcos Martins (S).
Renda: R$ 454.555,00 Público: 19.860.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: