Atacante Dudu e meia Celsinho no treinamento, no CT do Santa Cruz
Atacante Dudu e meia Celsinho no treinamento, no CT do Santa CruzFoto: Jota Santana/Santa Cruz

A “operação reforços” tem chamado a atenção no Santa Cruz. O técnico Leston Júnior está usando de imediato os novos contratados para tentar "elevar o nível" do elenco. O mesmo deve acontecer com o meia Celsinho, último reforço oficializado pelo clube. Ele iniciou os treinamentos no campo, ontem à tarde. Se for regularizado até a próxima sexta-feira (17), o recém-chegado já tem chances de jogar contra o Sampaio Corrêa/MA, no sábado (18), no estádio do Arruda, pela quarta rodada da fase de grupos do Campeonato Brasileiro da Série C.

Leia também: 

Leston reitera necessidade de contratação de novos reforços 

Assim como outros reforços, Celsinho pode estrear rápido  

Leston assume risco ao escalar dupla de reforços logo de frente 

Leston não descarta usar novos reforços do Santa de imediato 

Na última segunda-feira, por exemplo, o meia Everton e o atacante Misael jogaram a primeira partida pelo Santa, contra o Botafogo/PB, e foram até titulares. Após o jogo, inclusive, o treinador Leston Júnior disse que assumiu o risco de colocar os recém-contratados logo de frente. A dupla praticamente não teve tempo de treinar. Anteriormente, o zagueiro William Alves, o lateral-esquerdo Carlos Renato e o atacante Dudu haviam estreado rapidamente.

Ainda antes do início da temporada, o presidente Constantino Júnior, o executivo de futebol Luciano Sorriso e o técnico Leston Júnior prometeram reduzir ao máximo o número de reforços. Em cinco meses de trabalho em 2019, o Santa Cruz contratou 23 jogadores, mas a quantidade ainda vai aumentar durante a disputa da Série C, competição que resta para o clube.

Em entrevista coletiva, o comandante coral ratificou a necessidade da contratação de mais reforços para qualificar o grupo visando a sequência da Série C. “Desde o início do planejamento, eu sempre disse que na Série C faríamos o upgrade no elenco. Que tudo o que fizemos na Copa do Nordeste, Estadual e Copa do Brasil era para termos uma base. E hoje nós temos. Mas uma base que precisa ser ajustada. Hoje nós temos linha para isso. Estamos trabalhando junto com a direção naquilo que a gente acha ser necessário”, declarou.

Dos 23 reforços oficializados pelo Santa Cruz, são dois goleiros, cinco laterais, quatro zagueiros, dois volantes, cinco meias e cinco atacantes. Desses, dois deles já foram desligados do clube (zagueiro Anderson e lateral-esquerdo Raphael Soares).

veja também

comentários

comece o dia bem informado: