A-A+

Santa visita Fortaleza mirando recuperação na Copa do Nordeste

Tricolor ainda não venceu na competição, acumulando um empate uma derrota até o momento

Itamar Schulle, técnico do Santa CruzItamar Schulle, técnico do Santa Cruz - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Superar desafios, desgaste e a necessidade de pontuar: essa tem sido a vida do Santa Cruz nas últimas semanas. Com mais um clássico nordestino para dar conta, o Tricolor do Arruda visita o Fortaleza, neste sábado, pela terceira rodada da Copa do Nordeste. A partida está marcada para as 16h, na Arena Castelão, e será o primeiro encontro entre as equipes depois do confronto que eliminou a Cobra Coral nas semifinal do Regional do ano passado, também em terras cearenses.

Em meio às queixas de desgaste físico no elenco, o técnico Itamar Schulle deve poupar alguns jogadores para a partida diante dos cearenses. A situação exigirá que o comandante quebre a cabeça para armar a equipe, tendo em vista a falta de opções. Um dos que reclamaram do desgaste, recentemente, foi o volante Bileu. "Nós viajamos, estamos descansando. Jogamos amanhã (sábado), depois na terça e depois na quinta. Falando em etapas, é difícil cumprir todas elas mantendo o mesmo grupo e o mesmo nível de atuação de alguns jogos. É natural. Vamos ter cuidado. Jogo a jogo", disse o treinador.

Sabe-se que a Cobra Coral, assim como o próprio Tricolor do Pici, vem passando por uma verdadeira maratona de jogos, o que, de certa forma, força o comandante a ser ainda mais estrategista com o time que vai acionar para o duelo. Antes de embarcar para o Ceará, Schulle já havia citado que apenas os jogadores bem fisicamente entrarão em campo. “Aqueles que estiverem em melhores condições vão jogar, senão a gente vai fazer trocas pela necessidade”.

No ano passado, o Santa Cruz encarou o Tricolor cearense pela semifinal da competição regional e foi eliminado com gol de Romarinho aos 32 da etapa complementar. Vale lembrar que os pernambucanos ainda não triunfaram nesta edição da Copa do Nordeste - acumula um empate e uma derrota.

Fortaleza
Ainda sem nenhum triunfo na “Lampions League”, o Tricolor do Pici vai para a partida diante dos pernambucanos com o pensamento de afastar a seca de gols e cravar a primeira vitória no Regional. Nos dois primeiros jogos, a equipe comandada por Rogério Ceni ficou apenas no empate em 0x0 contra Vitória/BA, pela rodada de estreia, e 1x1, depois de começar o duelo em desvantagem diante do Ceará. Para o confronto de logo mais, no Castelão, o único desfalque do Leão do Pici será a saída do zagueiro Quintero, expulso no Clássico-Rei do último sábado. Para a vaga do colombiano, Ceni deve acionar Tinga.

Ficha técnica

Fortaleza

Felipe Alves; Gabriel Dias, Bruno Melo, Paulão, Carlinhos; Felipe, Juninho, Mariano Vázquez e Romarinho, Wellington Paulista e Osvaldo (Edson Cariús). Técnico: Rogério Ceni

Santa Cruz

Maycon Cleiton; Júnior, Danny Morais, William Alves, Fabiano; Bileu, Paulinho, Didira; Augusto Potiguar, Mayco Félix e Pipico. Técnico: Itamar Schulle

Local: Arena Castelão (Fortaleza/CE)
Horário: 16h. Árbitro: Marielson Alves da Silva (BA). Assistentes: Carlos Eduardo Bregalda Gussen e Edevan de Oliveira Pereira (ambos da BA)
Transmissão: Live FC e YouTube (Canal da Copa do Nordeste)

Leia também:
Com "extra" garantido, Santa traça planos
Por necessidade, Santa pode ter mudanças diante do Fortaleza

Veja também

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022
Futebol

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!
Que Golaço!

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!