São Paulo anuncia a contratação de Marcos Guilherme

Revelação do Atlético/PR estava na Croácia, e era desejo de Dorival Júnior desde 2016

Jogador já passou pelas seleções brasileiras de baseJogador já passou pelas seleções brasileiras de base - Foto: MARTY MELVILLE/AFP

Em junho de 2016, o técnico Dorival Júnior indicou à diretoria do Santos a contratação do meia-atacante Marcos Guilherme, revelação do Atlético/PR. Havia uma preocupação no clube de que o meia Lucas Lima poderia ser negociado a qualquer momento, deixando o setor de criação com poucas opções.

A negociação não foi fechada. De qualquer forma, um ano depois, Dorival vai poder, enfim, trabalhar com o atleta, de 21 anos. O São Paulo anunciou, nesta quinta-feira (20), sua contratação. Agora vindo do Dínamo de Zagreb, da Croácia, ele chega por empréstimo de 18 meses.

Marcos Guilherme já estava jogando pelo clube croata em condição de emprestado. Ele se apresentou em Zagreb em janeiro deste ano e agora foi repassado. Fez 13 partidas pelo Dínamo na temporada 2016-2017, além de duas pela equipe B do clube.

Visto como grande promessa na Arena da Baixada, lançado ao profissional em 2013, o meia-atacante perdeu espaço depois de ser campeão paranaense em 2016. Ele disputou mais de 150 jogos pelo Atlético/PR.

No São Paulo, Marcos Guilherme talvez possa se reencontrar com o zagueiro Lucão, de quem foi companheiro nas seleções brasileiras de base. Os dois disputaram juntos o Mundial sub-20 de 2015, na Nova Zelândia. No momento, porém, o defensor está treinando separado do elenco no CT da Barra Funda, à espera de propostas.

Desde junho, a diretoria são-paulina já anunciou seis reforços, incluindo a repatriação do meio-campista Hernanes nessa quarta-feira (19). Os demais: o volante Petros, os meia-atacantes Jonathan Gómez, argentino, e Maicosuel e os zagueiros Robert Arboleda, equatoriano, e Aderllan.

Veja também

Contra o rebaixado Oeste, Náutico busca três pontos para seguir vivo na Segundona
Série B

Contra o rebaixado Oeste, Náutico busca três pontos para seguir vivo na Segundona

Sem vencer fora há mais de três meses, Sport também vive jejum contra Corinthians
Sport

Sem vencer fora há mais de três meses, Sport também vive jejum contra Corinthians