Campeonato Catarinense

Secretaria de Saúde cancela clássico catarinense por risco de contágio

A Chapecoense tem 14 funcionários infectados com a Covid-19

Atletas da Chapecoense em comemoraçãoAtletas da Chapecoense em comemoração - Foto: Reprodução/ Chapecoense

A Secretaria de Saúde de Santa Catarina determinou o cancelamento do clássico entre Chapecoense x Avaí, que aconteceria neste domingo (12), na Ressacada, no jogo de volta das quartas de final do campeonato estadual.

Segundo o órgão informou em nota publicada neste sábado (11), um dos clubes, no caso a Chapecoense, tem 14 funcionários infectados com a Covid-19. Entre eles está o técnico da equipe, Umberto Louzer, que sequer viajou para Florianópolis -o time seria comandado pelo preparador físico, Marcelo Rohling.

A Secretaria de Saúde também pediu o afastamento imediato desses funcionários de qualquer atividade relacionada ao clube.

 



"A medida levou em consideração o item XXXIII do artigo 8º da Portaria SES nº 466 de 6 de julho de 2020, que regulamenta as medidas sanitárias e o risco epidemiológico durante a pandemia do coronavírus", disse o órgão, em nota.

"A Secretaria de Estado da Saúde segue atenta a qualquer avanço de transmissão e essas medidas são tomadas para resguardar a saúde de todos", completou.

Na manhã deste sábado, o Avaí disse que todos os exames realizados com atletas e membros da comissão técnica tiveram resultados negativos e que sua equipe estaria preparada para enfrentar a Chapecoense. O clube ligou o sinal de alerta depois do surgimento dos casos de contágio no rival, noticiados pela imprensa catarinense na sexta-feira (10).

O Campeonato Catarinense voltou a ser disputado na última quarta (8), após 115 dias de suspensão por conta da pandemia do novo coronavírus, sem a presença de público nos estádios.

Foi o segundo torneio do país a retomar os jogos depois da volta do Estadual do Rio de Janeiro.

No mesmo dia 8, a Chapecoense recebeu o Avaí, pelo jogo de ida das quartas de final, e venceu por 2 a 0, em Chapecó. Cricúma e Marcílio Dias empataram sem gols e a equipe visitante não pôde contar com o técnico Moisés Egert, que foi diagnosticado com Covid-19 há duas semanas.

Nos outros dois duelos das quartas de final, o Brusque visitou o Joinvlle e venceu o jogo de ida por 1 a 0. Já o Juventus recebeu o Figueirense, em Jaraguá do Sul, e foi derrotado por 2 a 1.

Veja também

Atual campeão, Flamengo é derrotado pelo Atlético/MG na estreia da Série A
Brasileirão

Atual campeão, Flamengo é derrotado pelo Atlético/MG na estreia da Série A

Santos perde pênalti e leva empate no fim contra o RB Bragantino
Brasileirão

Santos perde pênalti e leva empate no fim contra o RB Bragantino