Esportes

Seleção brasileira enfrenta a China nesta terça

Duelo amistoso acontece às 22h, em São Paulo, e faz parte da preparação da seleção para a Liga das Nações

Treino da seleção brasileira em Taubaté (SP)Treino da seleção brasileira em Taubaté (SP) - Foto: Divulgação/CBV

A cidade de Taubaté, em São Paulo, será o palco da primeira exibição da seleção masculina de vôlei nesta temporada. Na noite desta terça-feira (15), a equipe comandada pelo técnico Renan Dal Zotto faz o primeiro dos dois amistosos programados contra a China, a partir das 22h, com transmissão do Sportv2. Os times voltarão a se encontrar na quinta (17), também no ginásio do Abaeté, porém às 19h. Ambos os jogos estão com ingressos esgotados. Os compromissos fazem parte da preparação da seleção para a Liga das Nações, campeonato que estreia neste ano, no lugar da Liga Mundial.

Renan corre contra o tempo para ajustar a equipe da melhor forma. Somente nesta segunda (14) ele conseguiu ter a maior parte do elenco reunido. Os finalistas da Superliga de Vôlei, os opostos Evandro e Alan, o central Isac, o levantador William e os ponteiros Rodriguinho, Douglas Souza e Lipe, além do líbero Murilo, jogadores de Sesi/SP e Sada Cruzeiro/MG, se apresentaram depois - o meio de rede Lucão só se junta ao elenco nesta quarta (16). O grupo trabalhou em dois períodos, com parte tática mais forte para os que já vinham treinando. “Sabemos que o tempo é curto e, por isso, precisamos fazer com que o aproveitamento seja o melhor possível”, disse Renan.

Leia também:
Renan convoca seleção masculina de vôlei para 2018
Seleção fará dois amistosos antes da Liga das Nações
[Imagens] Em jogo emocionante, Cruzeiro conquista o hexa
Seleção feminina estreia na inédita Liga das Nações

Os demais jogadores que estão em Taubaté e estarão à disposição de Renan para os amistosos são o levantador Bruninho, o oposto Wallace, os centrais Maurício Souza, Otávio e Éder, os ponteiros Maurício Borges, Léo e Victor, e o líbero Thales. Depois de estar na cidade para partidas pelo Sesi/SP na temporada 16/17, Bruninho espera contar com outra atmosfera desta vez.

“Vai ser a primeira vez que vou ter a torcida de Taubaté do meu lado. Todas as vezes que joguei aqui foi como adversário e sei o quanto a torcida daqui empurra o time. Dessa vez, com a torcida a favor do Brasil, espero poder aproveitar esse lado positivo da torcida da casa”, brincou o capitão da seleção brasileira.

Em casa, depois de duas temporadas defendendo a camisa do EMS Taubaté Funvic (SP), o central Otávio garante que a seleção vai ter total apoio da torcida taubateana. “O calor humano é incrível, essa torcida é de arrepiar, já saí de vários jogos bastante emocionado, especialmente depois de jogos onde perdemos e os torcedores estiveram ao nosso lado o tempo inteiro, mesmo depois da partida. A seleção com certeza vai contar com esse carinho”, confirmou Otávio.

 

Veja também

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola
ESTADOS UNIDOS

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola

Governo britânico autoriza venda do Chelsea para um grupo liderado pelo americano Todd Boehly
Futebol

Governo britânico autoriza venda do Chelsea para um grupo liderado pelo americano Todd Boehly