Seleção feminina obtém classificação antecipada na AmeriCup

Com a vitória sobre o Paraguai, Brasil já tem vaga assegurada no Pré-Olímpico das Américas

Damiris encara adversárias em mais um triunfo brasileiroDamiris encara adversárias em mais um triunfo brasileiro - Foto: Divulgação/FIBA

A seleção brasileira feminina de basquete somou, nesta quarta-feira (25), a terceira vitória na Copa América 2019, que está sendo realizada em Porto Rico. Contra o Paraguai, a equipe nacional quebrou pela primeira vez a barreira dos 100 pontos no evento, vencendo por 101x59. O principal destaque foi a pivô Damiris, que anotou 22 pontos e conseguiu sete rebotes. Com o resultado, o Brasil já garantiu a classificação para as semifinais. Hoje, entra em quadra para enfrentar os Estados Unidos, no último confronto da fase de grupos, apenas para definir a posição de classificação para o chaveamento do mata-mata. Assim como as brasileiras, as norte-americanas também estão invictas no certame até o momento. O confronto acontece às 16h, com transmissão do SporTV 2.

Leia também:
Brasil passa por cima de Argentina na Copa América
Brasil passa por Colômbia na estreia da Copa América
Brasil bate os EUA e conquista ouro no basquete feminino
José Neto assumirá a seleção feminina de basquete


Contra o Paraguai, a seleção teve um início de jogo avassalador, abrindo 17x2. Na reta final do primeiro período, contudo, as adversárias cresceram e, com uma bola de três no estouro do cronômetro, diminuíram a parcial para 22x20. As paraguaias chegaram a empatar no início do segundo quarto, mas a seleção verde-amarela voltou a encaixar o jogo, encerrando o primeiro tempo em 50x33.

Bem postado defensivamente e com um ritmo cadenciado no setor ofensivo, o Brasil voltou a pontuar em sequência na volta do intervalo. Foram 20 pontos na primeira metade da parcial, mas uma queda de rendimento nos minutos finais fez as adversárias novamente chegarem junto (69x53).

As comandadas do técnico José Neto, no entanto, deslancharam na última parcial, mantendo o ritmo intenso durante os dez minutos finais para estabelecer a vitória mais expressiva até aqui. Com a ida ao mata-mata, o Brasil já tem assegurada uma vaga no Pré-Olímpico das Américas, que acontece em novembro, no Brasil, e valerá vaga no Pré-Olímpico Mundial.

Veja também

Novo primeiro-ministro japonês se diz "decidido" a sediar Jogos Olímpicos apesar da pandemia
Jogos Olímpicos

Novo primeiro-ministro japonês se diz "decidido" a sediar Jogos Olímpicos apesar da pandemia

STJD nega pedido do Flamengo e mantém jogo contra o Palmeiras no domingo
Futebol

STJD nega pedido do Flamengo e mantém jogo contra o Palmeiras no domingo