Seleção masculina vai bem no Mundial de ginástica e fica perto de Tóquio

Para se classificar à Olimpíada de Tóquio, o Brasil tem de terminar o torneio entre os nove melhores

A equipe ficou em terceiro lugar na classificação geral, atrás apenas de Taiwan e RússiaA equipe ficou em terceiro lugar na classificação geral, atrás apenas de Taiwan e Rússia - Foto: AFP

O Brasil foi bem no primeiro dia do Mundial masculino de ginástica, que acontece em Stuttgart, na Alemanha. A equipe ficou em terceiro lugar na classificação geral, atrás apenas de Taiwan e Rússia, dentre os 12 países que já se apresentaram.
Nesta segunda (7), outros 13, entre eles EUA, China e Grã-Bretanha, se apresentarão e complementarão a classificatória.

Para se classificar à Olimpíada de Tóquio, o Brasil tem de terminar o torneio entre os nove melhores, excetuando-se Rússia, China e Japão, que já estão classificadas porque foram medalhistas no Mundial de 2018. Neste sábado (5), a equipe brasileira feminina não conseguiu a vaga.

Arthur Zanetti, medalha de ouro na Olimpíada de Londres, em 2012, foi o destaque individual do país neste domingo. Ele ficou em segundo lugar, com uma boa nota, 14,700, a mesma de seu algoz na Rio-2016, o grego Petrounias Eleftherios (que ficou com o ouro enquanto Zanetti ganhou a prata naquela competição), e deve se classificar à final –a confirmação acontece nesta segunda, quando outros ginastas se apresentam.

Leia também:
Brasil ganha ouro no conjunto da ginástica rítmica no Pan
Meninas da ginástica rítmica faturam bronze na prova com bolas

Veja também

Tite convoca Allan e aguarda melhora de Neymar e Alex Telles
Seleção Brasileira

Tite convoca Allan e aguarda melhora de Neymar e Alex Telles

Oposição anuncia chapa de candidatura às eleições do Santa Cruz
Eleições

Oposição anuncia chapa de candidatura às eleições do Santa Cruz