Sem chances no passado, Roberto admite que pensou em deixar o Santa Cruz

Lateral voltou a ganhar uma oportunidade na equipe principal nos últimos jogos

Virada Política RecifeVirada Política Recife - Foto: Reprodução de vídeo

Trazido pelo então técnico do Santa Cruz, Milton Mendes, o lateral-esquerdo Roberto precisou encarar uma concorrência pesada na posição. Tiago Costa e Allan Vieira eram as primeiras opções para o setor. Para piorar, o jogador estreou justamente na primeira derrota do time na Série A do Campeonato Brasileiro, contra o Sport. E foi além: acabou expulso. A primeira impressão não foi das melhores o atleta passou a ficar preterido no elenco coral. Mas nos últimos três jogos, Roberto voltou ao time titular. E pensar que por pouco o atleta não abandonou o Arruda.

"Pensei em sair, sim. Mas sou profissional. Eu pensei por conta do desânimo. Milton, quando me trouxe, falou que a oportunidade ia chegar. Mas vivi uma situação onde achei que ia mais jogar. Continuei trabalhando e agora a chance cchegou. Espero continuar indo bem para seguir no time", afirmou o lateral.

O caso de Roberto lembra a situação de outro lateral do elenco. Assim como ele, Vítor também passou um bom tempo longe da equipe titular e só veio recuperar o posto na rodada passada, com a ida de Léo Moura para o meio-campo.

O próximo desafio do Santa Cruz no Brasileirão será contra o América/MG, domingo, no Arruda, pela 34ª rodada da competição. O Tricolor é o lanterna do torneio, com 24 pontos. Coelho está uma posição acima, com 27.

Veja também

Cristiano Ronaldo volta a dar positivo para o coronavírus
Coronavírus

Cristiano Ronaldo volta a dar positivo para o coronavírus

Política, excusa e futebol: presidente do Santa confirma eleições do clube para dezembro
Santa Cruz

Política, excusa e futebol: presidente do Santa confirma eleições do clube para dezembro