Futebol

Sem Jean Carlos, Náutico estuda opções para encarar o Cuiabá

Técnico Gilson Kleina pode tanto adicionar mais um volante no time como também acrescentar um atacante, voltando ao 4-3-3

Jean Carlos, meia do NáuticoJean Carlos, meia do Náutico - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Além da frustração de ver o Náutico sofrer um gol nos acréscimos, diante da Chapecoense, nos Aflitos, no empate em 1x1, na rodada passada da Série B do Campeonato Brasileiro 2020, o torcedor alvirrubro ganhou outra dor de cabeça no confronto: com o cartão amarelo recebido, o meia Jean Carlos chegou a terceira advertência no torneio, ficando suspenso para o próximo compromisso do Timbu, no dia 29, perante o líder Cuiabá, na Arena Pantanal.

A ausência de Jean Carlos tem peso enorme no Náutico. O jogador é o artilheiro do time na Série B, com quatro gols, e da temporada, com 10. Com ele, o aproveitamento do Timbu no ano é de 50,7%. Considerando apenas os jogos em que o meia foi titular, os números sobem para 54%. Sem o camisa 10, é de 47%. Na Segundona, Jean é o atleta que mais finaliza, com 36 conclusões a gol.

Sem o principal jogador da temporada, o técnico Gilson Kleina tem duas opções. A primeira seria adicionar um volante no time, mantendo apenas Jorge Henrique na armação. Djavan, Matheus Trindade e Josa seriam concorrentes. Nesse cenário, Jhonnatan teria liberdade para atuar mais à frente, fazendo o papel de infiltração para auxiliar o setor ofensivo. A alternativa seguinte seria voltar ao esquema com três atacantes. Dadá Belmonte e Thiago disputariam a vaga, fechando o setor com Erick e Paiva. Quem também pode pintar na equipe principal é Kieza, recuperado de lesão e autor do gol alvirrubro ante os catarinenses.

O Náutico é o atual nono colocado da Série B, com 14 pontos. Nos 10 jogos disputados até o momento, a equipe venceu três, empatou cinco e perdeu dois, com aproveitamento de 46,7%. Foram 13 gols marcados e 12 sofridos. Já o Cuiabá está no topo do torneio, com 21. São seis triunfos, três resultados de igualdade e um revés. Marcou 14 vezes e levou sete bolas na rede. Vale lembrar que esse confronto será pela 12ª rodada, já que o duelo do Timbu pela 11ª, ante o Sampaio Corrêa, que aconteceria no próximo domingo (26), foi adiado por conta da final do Campeonato Maranhense, envolvendo a Bolívia Querida e o Moto Club. 

Veja também

Álvaro celebra retorno nos gramados e diz que Náutico ainda mira o acesso
Futebol

Álvaro celebra retorno nos gramados e diz que Náutico ainda mira o acesso

Mais caro, Fifa 21 muda pouco em relação à edição passada do game
Esports

Mais caro, Fifa 21 muda pouco em relação à edição passada do game