Sequência em casa é decisiva para futuro de Leston no Santa

Técnico volta a enfrentar pressão da torcida por melhores resultados, além de uma cobrança mais forte internamente

Técnico do Santa Cruz, Leston JúniorTécnico do Santa Cruz, Leston Júnior - Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

 

Com o pior início de Série C do Santa Cruz entre as cinco vezes que disputou o torneio, além de acumular a sequência mais negativa na temporada - está há quatro jogos sem vencer -, o técnico Leston Júnior é perseguido por grande parte da torcida devido aos últimos maus resultados. Os dois jogos seguidos do clube em casa - Sampaio Corrêa/MA e ABC/RN, respectivamente - serão decisivos para o futuro do treinador no Arruda. A pressão dos torcedores sobre o treinador é grande. Já houve também uma cobrança mais forte internamente por conta da má fase.

Leia também: 

Com dois jogos no Arruda, Leston promete melhora geral do Santa

Santa tem pior sequência do ano e defesa mais vazada da Série C  

Santa se representa e aposta em semana cheia para evoluir 

No Nacional, o Santa somou apenas dois pontos em três jogos. O início mais negativo do Tricolor na Série C era o de 2008, quando fez três pontos. Outra marca negativa é a de defesa mais vazada de todo a Terceirona, com seis sofridos em três jogos, ao lado do Imperatriz/MA, que também está no Grupo A. Nas quatro últimas partidas, por exemplo, o sistema defensivo coral tomou gols em todas elas.

Em entrevista coletiva, logo depois do empate com o Botafogo/PB em 1x1, no estádio Almeidão, em João Pessoa, o técnico Leston Júnior prometeu uma melhora geral do Santa Cruz e argumentou que o tempo livre tanto para treinamentos como para descanso vai trazer uma evolução.

“Agora acabou a maratona de jogos. Encerramos essa sequência de partidas do Santa Cruz na temporada. Tudo que nós passamos até agora, não vamos sofrer tanto porque de agora em diante teremos um jogo por semana. Vamos ter condições, principalmente para esses dois jogos seguidos em casa, de fazer os seis pontos e ficar numa situação melhor a nível de classificação para a próxima fase”, comentou o treinador.

Vale lembrar que na maioria das vezes o elenco do Santa teve um intervalo curto de uma partida para outra, mas daqui pra frente os jogadores ganham semanas cheias de preparação. A carga excessiva de jogos, por exemplo, foi motivo de queixa dos atletas e também do comandante.

“Em todas as vezes que tivemos esse intervalo de uma semana para trabalhar, houve uma boa resposta no jogo seguinte. É o que esperamos a partir da próxima rodada”, pontuou Leston Júnior.

 

Veja também

Barça vence Rayo Vallecano de virada e vai às quartas da Copa do Rei
Futebol Internacional

Barça vence Rayo Vallecano de virada e vai às quartas da Copa do Rei

Primeiro evento-teste dos Jogos de Tóquio é adiado por dois meses
Olimpíadas

Primeiro evento-teste dos Jogos de Tóquio é adiado por dois meses