Esportes

Serena Williams é multada após "piti" no US Open

Após discussão quente com árbitro da final feminina do US Open, Serena Williams terá de pagar US$ 17 mil

Serena Williams discute com árbitro na final do US OpenSerena Williams discute com árbitro na final do US Open - Foto: Eduardo Munoz Alvarez/AFP

A tenista americana Serena Williams foi multada em US$ 17 mil (R$ 70 mil) pela Associação de Tênis dos Estados Unidos pelo polêmico comportamento na derrota de sábado (8) para a japonesa Naomi Osaka, na final feminina do US Open. Durante a partida, Serena recebeu uma primeira advertência por receber ordens do técnico, uma segunda por quebrar a raquete e uma terceira por chamar de "mentiroso" e "ladrão" o juiz de cadeira, o português Carlos Ramos. A declaração de Serena, captada pelos microfones na quadra, obrigou o árbitro a puni-la com a perda de um game, o que colocou Osaka, que já havia vencido a primeira parcial em 6/2, com vantagem de 5/3 no segundo set.

Leia também:
Naomi Osaka vence Serena Williams e faz história no US Open

Indignada em quadra, Serena pediu a presença do supervisor do torneio, o que interrompeu a partida por vários minutos. "Não é justo, não é certo. Isso é incrível", reclamava a norte-americana, em lágrimas. Após o reinício da partida, Serena converteu seu saque, mas Osaka fez o mesmo e fechou o set em 6/4, garantindo a vitória em uma partida na qual foi muito superior à veterana rival, a quem tem como ídolo maior no esporte.

Veja também

Sport fica no empate em 0x0 com o Novorizontino
Futebol

Sport fica no empate em 0x0 com o Novorizontino

Sport e Bahia protestam contra mudança do jogo entre Guarani e Vasco
Futebol

Sport e Bahia protestam contra mudança do jogo entre Guarani e Vasco