Série B: clubes esperam por CBF sobre pedido de auxílio

Equipes da Série B querem continuar recebendo valores pelos direitos de transmissão, além de ajuda de R$ 60 milhões da entidade

Edno Melo, presidente do NáuticoEdno Melo, presidente do Náutico - Foto: Brenda Alcântara/Folha de Pernambuco

Com dificuldades para conseguir receitas, os clubes da Série B enviaram carta à CBF na última semana, no intuito de pedir ajuda à entidade que comanda o futebol nacional. Com a paralisação dos campeonatos por causa da pandemia da Covid-19, as instituições esperam que os pagamentos dos direitos de transmissão continuem sendo realizados. Além disso, foi solicitado um aporte de R$ 60 milhões e a manutenção do calendário com 38 rodadas da Segundona.

Representante de Pernambuco na Série B, o Náutico acredita que a manutenção do pagamento da cota televisiva, além de uma ajuda financeira, seriam coisas essenciais para o futuro próximo. Na Segunda Divisão, as equipes têm direito a R$ 8 milhões pelos direitos de transmissão, e segundo o presidente alvirrubro, Edno Melo, até o momento só foram pagas duas parcelas. A CBF deve dar um retorno sobre o solicitado nesta semana.

"Fizemos algumas solicitações, e esperamos um retorno da CBF nesta semana. Queremos apenas garantias que continuaremos recebendo os valores de direito de transmissão, que até agora só recebemos duas parcelas. Pedimos também o adiantamento de um bônus que ficaram de dar aos clubes da Série B no final do ano", falou o presidente do Náutico. Ainda segundo o dirigente, hoje, o Timbu conta apenas com as receitas do sócio-torcedor.

Somado à manutenção do pagamento da cota televisiva, as equipes esperam receber uma ajuda de R$ 60 milhões. Este valor seria dividido igualitariamente entre os 20 clubes, e seria retirado do 'Legado da Copa', verba de U$ 100 milhões (R$ 565 milhões na cotação atual) dada pela Fifa à CBF, em 2014, para que o Brasil pudesse investir no futebol nacional, em esferas como categorias de base e futebol feminino. Entretanto, a entidade brasileira só pode doar este valor aos clubes com aval da instituição que comanda o futebol mundial.

Leia também:
Náutico renova com Rhaldney e Renan; Nem está fora
Náutico realiza obras no sistema de drenagem dos Aflitos

Veja também

Às vésperas de decisões dentro e fora de campo, Nei Pandolfo tenta construir elenco de 2021
Santa Cruz

Às vésperas de decisões dentro e fora de campo, Nei Pandolfo tenta construir elenco de 2021

Bandeira e outros dez viram réus por incêndio no CT do Flamengo
Incêndio no Ninho

Bandeira e outros dez viram réus por incêndio no CT do Flamengo