Sorriso é cobrado em treino por torcedores: 'Cadê o meia?'

Executivo de futebol do Santa Cruz conversa com a torcida no Arruda sobre busca do camisa 10 no mercado: "Está difícil"

Gerente remunerado do Santa Cruz, Luciano SorrisoGerente remunerado do Santa Cruz, Luciano Sorriso - Foto: Reprodução/Twitter

Às vésperas da decisão contra o ABC/RN, uma cena chamou atenção no treino do Santa Cruz na tarde desta terça-feira (9), no estádio do Arruda. Após o fim da preparação, o presidente Constantino Júnior e o executivo de futebol Luciano Sorriso, que acompanharam à movimentação do banco de reservas, foram cobrados pela torcida. Os torcedores voltaram a pedir a contratação do camisa 10: "Cadê o meia?". O gerente remunerado, inclusive, chegou a conversar pacientemente com alguns tricolores antes de descer para o vestiário.

“Não estamos conseguindo acertar com ninguém. Está difícil, mas não paramos de buscar. O trabalho é dentro da realidade financeira”, explicou o dirigente tricolor.

Leia também: 

Santa tem negociação com meia, mas não dá prazo para anúncio 

Santa espera anunciar meia que vai sacudir torcida esta semana 

Santa descarta Escudero e busca dois meias 

Mesmo depois da justifica do dirigente, os torcedores começaram a falar nomes de jogadores que já passaram clube, como os meias Renatinho, Raul e Jailson. O diretor dialogou tranquilamente com a torcida, mas foi pressionado. 

Na entrevista coletiva, o técnico Leston Júnior também foi perguntado sobre o reforço para o meio de campo. Ele reiterou que o clube tem dificuldade para trazer um atleta dentro do patamar financeiro. Vale lembrar que o comandante já tinha sido questionado sobre o assunto em diversas oportunidades.

“Assim como o torcedor quer, eu e a direção também queremos. O problema é que a gente enfrenta muitas dificuldades, principalmente de mercado. Vínhamos monitorando alguns nomes e abrimos conversas, mas depois o jogador aparece com uma proposta três vezes maior do que o Santa pode pagar. Em outras épocas, o Santa Cruz pagava de R$ 60 a 70 mil e depois não conseguia honrar, mas contratava mesmo assim. Hoje, o pensamento das pessoas que fazem o clube é diferente nesse sentido. Todos nós estamos tendo responsabilidade para que as coisas possam andar aqui dentro de uma forma tranquila”, declarou o treinador tricolor.

Leston ainda deixou claro que o Santa não vai fazer loucuras para contratar o tão sonhado meia, mas garantiu que a busca é intensa no Arruda.

“Temos procurado, mas entendo que precisamos de um atleta que acrescente algo que não temos. Contratar só para dar satisfação ao torcedor é um risco. A gente tem conversado muito e o torcedor pode ficar tranquilo que ninguém tem se acomodado. Não estamos conformados. A gente tem buscado todo dia. Queremos alguém que possa agregar outros valores ao elenco. Eu volto a repetir que a gente enfrenta dificuldades orçamentárias. Não digo isso com viés negativo, até porque o clube só vai crescer e se restabelecer partindo desse princípio de contar com o que pode e não com o que quer”, pontuou o técnico.

Expectativa

A torcida do Santa Cruz cobra há mais dois meses a contratação de um meia (camisa 10). A pressão sobre a diretoria aumentou quando o clube informou em seu site oficial, ainda no dia 21 de janeiro, que o reforço para o meio de campo iria sacudir os torcedores. De olho no mercado praticamente todos os dias, o executivo de futebol Luciano Sorriso voltou a dizer que a direção está buscando um nome, mas não existe prazo para o anúncio.

Mercado

A contratação de um meio-campista sempre foi prioridade no Arruda. A diretoria chegou a negociar com Daniel Costa, que defendeu o Santa Cruz nas temporadas 2015 e 2016 e acabou fechando com o Criciúma/SC, e Pedro Carmona, ex-Náutico e atualmente no Novorizontino/SP. Além disso, a direção vetou a vinda do meia argentino Escudero. Na ocasião, o executivo de futebol Luciano Sorriso também negou qualquer conversa com o experiente atleta e descartou negociações com estrangeiros.

Veja também

Itália e País de Gales passam de fase na Eurocopa
Eurocopa

Itália e País de Gales passam de fase na Eurocopa

Duelo de invictos: Náutico, líder da Série B, recebe o Botafogo
Futebol

Duelo de invictos: Náutico, líder da Série B, recebe o Botafogo