Sport bate o América, mas deixa o campo sob vaias

Equipe não conseguiu fazer uma boa apresentação, mas chegou aos 11 pontos e assumiu a terceira colocação

jogadores do Sport em campo.jogadores do Sport em campo. - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Deu para o gasto o futebol apresentado pelo Sport neste domingo (18), contra o América. Com as arquibancadas da Ilha do Retiro praticamente vazias, o Leão bateu o Mequinha por 2x0, chegou aos 11 pontos e assumiu a terceira colocação no Campeonato Pernambucano, praticamente garantindo a sua vaga para o mata-mata. Os rubro-negros voltam a campo nesta quarta-feira, diante do Belo Jardim. Na tentativa de estancar a crise na Praça da Bandeira, o Estadual é visto como prioridade, já que é a única competição até a disputa do Brasileiro.

Ainda ressacado da eliminação precoce na Copa do Brasil, na última quinta-feira, os rubro-negros entraram em campo com a responsabilidade de amenizar a crise na Praça da Bandeira. Sem Magrão, que foi liberado para acompanhar velório de um parente em São Paulo, Leandro Pereira, poupado com dores no joelho, e André, afastado pela diretoria até que se resolva o "caso Grêmio", o treinador Nelsinho Baptista tentou manter a base do time que acabou eliminado pelo Ferroviário. A única mudança foi a saída de Thomás e a entrada de Thallyson, com o time passando a jogar com três volantes. 

E os leoninos não precisaram de muito esforço para encaminhar a vitória diante do Mequinha. Logo aos 16 minutos, Fabrício arriscou de fora da área e a bola saiu fraca, mas o goleiro Ruan se atrapalhou e acabou tomando um frango: Sport 1x0. Mantendo o controle da partida, o segundo gol foi questão de tempo. Aos 29, Rogério cruzou rasteiro e Marlone só escorou para o fundo das redes: 2x0.

No intervalo, o técnico Roberto de Jesus resolveu tirar o goleiro Ruan após a falha no gol. Porém, poucas emoções na segunda etapa. Reflexo da frieza das arquibancadas, a equipe leonina até conseguia se manter firme defensivamente, mas ofensivamente parou. Sem criação, a única grande chance veio aos 18 minutos, mas Thallyson errou feio a finalização após passe de Marlone.

FICHA DO JOGO

Sport 2
Agenor; Felipe Rodrigues, Henríquez, Léo Ortiz e Capa; Anselmo, Thallyson (Neto Moura), Fabrício, Gabriel (Índio) e Marlone (Thomás); Rogério. Técnico: Nelsinho Baptista.

América 0
Ruan (Filipe); Alisson, Walter, Alemão e Rony; Kadhir, Cléber, Matheus (Rômulo) e Tiago Bagagem (Emerson); Saullo e Caxito. Técnico: Roberto de Jesus.

Local: Ilha do Retiro (Recife). Árbitro: Tiago Nascimento dos Santos. Assistentes: Gilberto Freire de Farias e Karla Renata Cavalcanti de Santana. Gols:Fabrício (aos 16 do 1ºT) e Marlone (aos 29 do 1ºT). Cartões amarelos: Léo Ortiz e Rogério (Sport). Cléber (América). Público: 1.376. Renda: 18.330.

Veja também

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius
Futebol

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'
Manifestação

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'