Sport recebe Afogados em 'jogo chave' por recuperação

Há oito jogos sem vencer, Rubro-negro está na zona de rebaixamento do Estadual e ainda não venceu em fevereiro

Brocador diz que "meio a zero" diante do Afogados já eleve confiança do grupoBrocador diz que "meio a zero" diante do Afogados já eleve confiança do grupo - Foto: Anderson Stevens/Sport Club do Recife

"Jogo chave". É assim que o elenco do Sport vem tratando o confronto deste sábado contra o Afogados. Há oito jogos sem vencer, o Leão recebe a empolgada Coruja, às 16h, na Ilha do Retiro, com o objetivo de se livrar da zona de rebaixamento do Campeonato Pernambucano. Na sétima colocação com sete pontos, o time da Praça da Bandeira precisa da vitória para não se complicar no Estadual e voltar a figurar na lista dos seis que se classificam para o mata-mata.

Para a partida, o técnico Daniel Paulista contará com três retornos. Depois de ficarem fora contra o Salgueiro por conta de desgaste físico, o zagueiro Rafael Thyere e os volantes Willian Farias e Rithely estão confirmados entre os titulares. Eles voltam nas vagas de Cleberson, Betinho e João Igor, respectivamente. Além deles, Marquinhos é mais uma mudança no time de cima. O jogador emprestado junto ao Corinthians atuará ao lado de Barcía e Hernane no ataque na vaga que vinha sendo preenchida por Ewandro.

Referência dentro do elenco rubro-negro, Brocador acredita que o compromisso deste final de semana é de extrema importância para a confiança voltar a passear pelos lados da Ilha do Retiro. "Esse jogo vai ser o jogo chave para mudar essa situação o mais rápido possível. O Sport precisa ganhar um jogo. Acho que meio a zero já vai fazer diferença. O momento não é bom, mas a partir do momento que ganharmos uma partida as coisas vão começar a mudar. Assim, a confiança volta a ficar 100%. Garanto que as coisas vão mudar", declarou o camisa 9. "Vamos ter que chegar 100% confiantes. Teremos que dobrar a vontade, porque se igualar, eu acho que será pouco. Temos que pensar em ganhar o jogo, pois essa partida pode definir nossa vida na competição", completou.

Daniel Paulista também vai na mesma linha do seu atacante. De acordo com o treinador, a derrota para o Salgueiro no meio da semana ligou o alerta no grupo, e tem que servir de reflexão para o confronto com o Afogados. Segundo o comandante, "o cerco está apertando", e o time precisa "melhorar bastante para brigar por uma classificação e buscar algo maior na competição."

Leia também:
Com retornos, Daniel Paulista arma time para pegar o Afogados


Diante da Coruja, o Sport busca o primeiro triunfo no mês de fevereiro. Até aqui, foram cinco empates e três derrotas. A última vitória na temporada foi contra o Central, por 1x0, na Arena de Pernambuco, em 28 de janeiro.

Ficha técnica

Sport: Luan Polli; Raul Prata, Rafael Thyere, Adryelson e Sander; Willian Farias, Rithely e Lucas Mugni; Barcía, Marquinhos e Hernane. Técnico: Daniel Paulista.

Afogados: Wallef; Jader, Márcio, Heverton e Thalison; Diego Teles, Douglas Bomba, Eduardo Erê e Candinho; Philip e Diego Ceará. Técnico: Pedro Manta.

Local: Ilha do Retiro (Recife/PE)
Horário: 16h
Árbitro: Anderson Marques.
Assistentes: Ricardo Chianca e Dhiego Cavalcanti.
Transmissão: Premiere FC

Veja também

Sport e Bahia fazem clássico nordestino de olho em se distanciar do Z4
Futebol

Sport e Bahia fazem clássico nordestino de olho em se distanciar do Z4

Basta um empate: Náutico visita Cruzeiro podendo acabar com risco de queda à Série C
Futebol

Basta um empate: Náutico visita Cruzeiro podendo acabar com risco de queda à Série C