Sport: “Só” faltou combinar com gaúchos e mineiros

Além de não fazer a sua parte, Sport vê Inter encostar na tabela, mas pressão é encarada com naturalidade

Disque Eleitor ampliará serviço a partir desta quarta (03)Disque Eleitor ampliará serviço a partir desta quarta (03) - Foto: Divulgação

 

O futuro do Sport para 2017 esteve, no último fim de semana, atrelado a Minas Gerais. No sábado, o Leão entrou em campo na Série A do Campeonato Brasileiro diante do já rebaixado América/MG, no Independência, precisando apenas de uma vitória para eliminar o risco de queda para a Série B. Com o 1x0 precoce no placar, os leoninos já visualizavam um final de campeonato mais sossegado. Porém, parafraseando o eterno craque Garrincha, “só faltou combinar com os russos”. Nesse caso, porém, com os mineiros.

O Coelho reagiu e o Leão saiu apenas com um empate em 2x2. Insuficiente para as pretensões pernambucanas. Mas nada estava perdido. Bastava torcer pelo Cruzeiro contra o Internacional, no Beira-Rio. Um empate servia. O dia de ontem poderia ser o do “fico” para o Leão na elite, mas os gaúchos venceram por 1x0 e adicionaram ainda mais emoção na parte de baixo da tabela.

Ao término do jogo contra o América/MG, o técnico Daniel Paulista já destacava que o planejamento do Sport para esta semana dependeria do resultado do Inter. Ainda assim, considerando o pior cenário, o comandante frisou que a pressão em cima dos rubro-negros não seria algo novo na competição.

“Nossa equipe já respondeu em momentos de dificuldade, como foi contra Vitória e Ponte Preta. Temos jogadores experientes e saberemos administrar a situação. Domingo que vem eu tenho certeza que colocaremos um ponto final nisso”, afirmou o técnico.
Na 15ª posição, com 44 pontos, o Sport joga na última rodada contra o Figueirense, na Ilha do Retiro. Basta vencer para garantir seu espaço no Brasileirão do ano que vem. O Internacional (17°, com 42) visita o Fluminense, no Maracanã. Outra equipe que ainda corre risco de queda é o Vitória (16°, com 42), que hoje encara o Coritiba, no Couto Pereira. Contudo, se os baianos vencerem, a disputa para ver quem cai fica restrita entre pernambucanos e gaúchos.

Caso empate, o Sport terá que torcer por um tropeço do Internacional ou do Vitória (considerando que o time não vença o Coxa). Se os gaúchos vencerem e os baianos chegarem pelo menos aos 45 pontos, a dupla escapará da Segundona - ambos teriam saldo de gols superior ao dos pernambucanos.

Desfalques
Para o jogo decisivo, o técnico Daniel Paulista não terá a presença do zagueiro Matheus Ferraz e do atacante Rodney Wallace, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Na defesa, o comandante já confirmou o retorno de Durval. Na frente, a dúvida permanece. Everton Felipe e Gabriel Xavier são opções no banco de reservas.

 

Veja também

Em ritmo de treino, Flamengo bate o Boavista e pode ser campeão antecipado
Campeonato Carioca

Em ritmo de treino, Flamengo bate o Boavista e pode ser campeão antecipado

Globo confirma retomada da F-1 com Cleber Machado e sem Galvão
AUTOMOBILISMO

Globo confirma retomada da F-1 com Cleber Machado e sem Galvão