Milton Bivar comemora na sede social do Sport
Milton Bivar comemora na sede social do SportFoto: Kleyvson Santos

Com uma vitória esmagadora, o Sport tem um novo presidente eleito. Com 2.477 votos (86.72%), o candidato Milton Bivar, da Chapa 1 – “Sport do Povo”, levou a melhor sobre Eduardo Carvalho, da Chapa 3 – “Uma Razão para Viver”, que contou com apenas 329 votos (13,8%). Presidente do executivo nos anos de 2007 e 2008, Milton Bivar volta a ocupar o mesmo cargo, desta vez para comandar o clube no biênio 2019/2020. Eleito, o novo mandatário leonino tomará posse no início de janeiro. O lado negativo foi o baixo número de sócios presentes neste pleito. No total, foram apenas 2.806 contra 4.603 na última eleição, no final de 2016, que resultou na vitória de Arnaldo Barros diante de Wanderson Lacerda e registrou um recorde na votação total numa eleição realizada pelo clube.

Durante todo o dia, o clima foi de tranquilidade na sede social do clube. De um lado, o grupo de Milton Bivar, que se revezava entre o salão e o restaurante Varanda, localizado também na sede do clube. Já Eduardo Carvalho ficou no lado oposto do salão, reunidos com os membros da sua chapa e eleitores.

Leia também:
Com votação encerrada no Sport, Milton Bivar esbanja otimismo
Carvalho diz que vai ‘lutar até o fim’ na eleição do Sport 

Por volta das 19h, com apenas uma hora de apuração, a grande vantagem conquistada obtida urna após urna aberta, já não restava mais dúvidas sobre o resultado final: Milton Bivar foi declarado campeão do pleito. Logo em seguida, o presidente eleito surgiu no salão de festas acompanhado da torcida organizada mais violenta do Sport, que tumultuou o ambiente com gritos de guerra e até mesmo sinalizadores acesos em área coberta.

Rodeado por torcedores, integrantes dessa organizada e eleitores, Milton Bivar começou a dar as suas primeiras declarações como presidente eleito do Sport para os próximos dois anos. “Eu não abro nem pra um trem. Comecei com essa frase a campanha e vou terminar com ela. Esse apoio quase que geral me dá cada vez mais certeza que unidos vamos tirar o Sport desse buraco atual que se encontra”, declarou Milton.

Ainda em clima de euforia e quase sem voz, Milton Bivar revelou o nome do novo treinador do Sport e preferiu adotar uma linha de promessas mais “humilde” para a sua gestão, alfinetando os ex-presidentes. “O nosso treinador será Milton Cruz, um profissional que carrega 19 anos de São Paulo, um bom trabalho recente no Figueirense e de muita competência. Sobre promessas, eu não vou ficar dizendo que vamos brigar com São Paulo, Flamengo, Corinthians... Ou que vamos em busca de Libertadores. Posso dizer que não faltará criatividade, trabalho e união para recuperar o Sport. Isso é o suficiente”, finalizou Milton.

Dentre os primeiros problemas pela frente, Milton terá as perdas de atletas através da justiça por conta dos quase quatro meses de salários atrasados com o elenco. Após Jair, o volante Fabrício, formado na base leonina, também conseguiu uma liminar, ou seja, em caráter provisória, que o libera para negociar com outro clube. Informações dão conta que o seu destino deve ser o Vila Nova/GO. Além deles, o lateral-esquerdo Sander deve ser o próximo a conseguir a sua liberação.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: