Rogério
RogérioFoto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

Contratação mais cara da história do futebol nordestino, e consequentemente do Sport, o atacante Rogério está de malas prontas para deixar a Praça da Bandeira. E ao contrário do que alguns imaginavam, não será por empréstimo, mas sim em definitivo. No total, o jogador custou R$ 6 milhões aos cofres do Sport, superando o atacante André, comprado por R$ 5,2 milhões junto ao Sporting, de Portugal.

Com salários atrasados, 13º e férias em aberto, o jogador não irá render nenhum centavo ao Sport. No acordo fechado entre as partes, Rogério perdoou a dívida, que gira em torno de R$ 1,5 milhão, e assim acertou a sua rescisão de contrato com o Leão, que ia até 2021. O acordo foi confirmado pelo empresário do atacante. “É sim uma rescisão, não empréstimo. Os detalhes eu prefiro que o Sport passe, mas é por aí mesmo”, comentou Igor de Albuquerque.

Leia também:
De saída do Sport, Mateus Gonçalves atuará no Fluminense
Em relatório, Sport gastou cerca de R$ 4 milhões com folha
Fortaleza entra na briga com Sport e faz proposta por Ernando

O destino do jogador será o Bahia. O Tricolor de Aço anunciou a contratação na tarde desta quarta-feira (02), através de SMS enviado aos sócios. O contrato com os baianos vai até 2021, assim como era o vínculo com o Sport.

Com passagens por Central, Náutico, Botafogo, Vitória e São Paulo, o jogador chegou ao Sport em junho de 2016 e teve um bom desempenho. Comprado em definitivo no ano seguinte, não conseguiu render o mesmo bom futebol. Nesta temporada, jogou em 36 jogos e marcou apenas três gols, sofrendo com lesões constantes.  

veja também

comentários

comece o dia bem informado: