Atacante Élton é apresentado no Sport nesta sexta-feira (11).
Atacante Élton é apresentado no Sport nesta sexta-feira (11).Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife

A novela envolvendo a vinda do atacante Élton para o Sport foi cansativa, envolvendo até mesmo uma disputa judicial entre o jogador e seu ex-clube, o Figueirense, mas ela terminou em definitivo nesta semana. Nesta sexta-feira (11), o jogador foi apresentado oficialmente pela diretoria rubro-negra e concedeu a sua primeira entrevista coletiva como jogador do Sport.

Aos 33 anos, Élton chega com a responsabilidade de assumir o papel de homem-gol do Leão, vago desde a saída do atacante André, ainda no começo de 2018. Verdadeiro andarilho da bola, o jogador já defendeu 16 clubes, como o Sport sendo o 17º. Com passagens por clubes de peso como Flamengo, Corinthians, Vasco, Náutico, Vitória, Élton chega sem o mesmo vigor físico de outrora, mas bem mais experiente.

Leia também:
Sport dá mais um dia para decisão de Ronaldo Alves
Sport em busca de um meia de referência no setor de criação
Sport vai tomando corpo para a estreia
Sport empata sem gols em jogo-treino com time de Marcelinho PB

Após disputar a Série B pelo Figueirense no ano passado, aonde marcou dez gols em 17 jogos, o atacante ressaltou os motivos pelos quais ele aceitou o convite do Sport. “Vim porque o Sport é um clube grande, que merece estar na Série A e logo vai voltar. Quando eu recebi a ligação do Milton Cruz eu fiquei muito animado com a chance. Tenho um respeito muito grande por ele e não pensei duas vezes em aceitar”, disse Élton, que trabalhou rapidamente com Milton no Figueirense.

No atual elenco do Sport, Élton terá as concorrências de Hernane Brocador e de Juninho. Novato no clube, o atacante preferiu adotar o discurso mais político. “Estou conhecendo o grupo, tem muitos meninos da base que vão nos ajudar bastante. Essa mescla vai ser muito bacana. O Hernane também está trabalhando duro, e concorrência vai ter sempre em time grande. É bom que ninguém se acomoda, todo mundo numa briga sadia”, explicou Élton.

Por último, o jogador falou sobre a parte física, um dos assuntos mais recorrentes da carreira do atacante, que sempre foi conhecido pelo forte porte físico. “Eu estava fazendo alguns trabalhos mas é claro que não é a mesma coisa. Vamos começar a pegar mais ritmo na preparação ainda. Vamos conversar mais com os preparadores para saber o que eles querem e aproveitar esses próximos dias o máximo possível”, finalizou.  

veja também

comentários

comece o dia bem informado: