Treinador do Sport, Guto Ferreira comandou treinamento.
Treinador do Sport, Guto Ferreira comandou treinamento.Foto: Anderson Stevens/Sport Club do Recife

A campanha do Sport nesta Série B reúne algumas particularidades. A mais evidente delas a "olho nu" talvez seja a grande quantidade de empates. No total, foram 11 resultados de igualdade em 20 jogos disputados até agora, empatando com o Oeste na liderança deste quesito. Mas, dando uma olhada mais minuciosa, também é possível enxergar outra peculiaridade: o bom desempenho rubro-negro contra os times mais bem colocados na classificação geral e o fraco aproveitamento contra os clubes da segunda página.

Se por um lado isso serve como um alerta para este segundo turno da Segundona, por outro cai como uma luva para dar confiança aos leoninos diante do líder Bragantino, neste sábado (07), na Ilha do Retiro.

Leia também:
Hernane Brocador não treina novamente e preocupa o Sport
Em primeira parcial, Sport divulga 5.700 ingressos vendidos
Guilherme convoca torcida do Sport para 'decisão'
[Vídeo]Em alta no Sport, Leandrinho explica lance com Carmona

Nestas 20 rodadas disputadas, o Leão não perdeu ainda contra os seus adversários considerados diretos na briga pelo acesso. As duas únicas derrotas dos rubro-negros na competição até agora foram contra o Operário, que ocupa a oitava colocação atualmente, e o Criciúma, que luta contra o rebaixamento e está na 15ª posição, a apenas dois pontos de distância da zona da degola.

Quarto colocado, o Sport empatou todos os seus jogos contra Bragantino, Coritiba e Atlético/GO, que são os outros três integrantes do G4. Curiosamente, o resultado em 1x1 se repetiu nos três duelos.

Por outro lado, dos últimos seis colocados desta Série B, o Sport venceu apenas o Vila Nova (17º). Empatou contra Guarani (20º), São Bento (19º), Oeste (18º), Figueirense (16º) e perdeu para o Criciúma (15º). "O nosso time tem muita qualidade, mas hoje em dia camisa só não entra em campo. A gente viu isso contra o Oeste. Temos que buscar ainda essa sequência de três, quatro vitórias seguidas para estar no topo da tabela", disse o atacante Hyuri, que perdeu um pênalti na última rodada.

E a tendência é que Hyuri assuma a função de homem de referência diante do Bragantino. Isso porque Hernane Brocador não treinou novamente, na última quarta-feira (04), e segue como dúvida. Ainda se recuperando de uma inflamação no joelho esquerdo, o Brocador não treina há dez dias e mesmo que seja liberado pelos médicos leoninos para as atividades desta quinta-feira (05), terá apenas dois treinamentos para recuperar o ritmo de jogo. O lateral-direito Raul Prata e o volante Marcão não tiveram lesões detectadas nos exames e deve ser liberados para a partida.  

veja também

comentários

comece o dia bem informado: