Eduardo Baptista
Eduardo BaptistaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

E as contas não param de chegar na Praça da Bandeira. Após diversos atletas acionarem o Sport na justiça, chegou a vez de um ex-treinador leonino. Com passagens em 2014/2015 e 2018, Eduardo Baptista acionou o clube na justiça pedindo R$  373.998,92, referentes ao não-pagamento de verbas rescisórias, 13º salário proporcional, Fundo de Garantida por Tempo de Serviço (FGTS) e saldo de salário. A informação foi confirmada pelo presidente Milton Bivar, que preferiu não se pronunciar sobre o assunto, indicando o Departamento Jurídico para falar pelo Leão.

Leia também:
Na Ilha, William Farias aguarda exames para ser do Sport
Sport resgata boa fase na Série B
Nos acréscimos, Sport vence Bragantino e entra no G4
Retrospecto contra adversários diretos anima o Sport

O ex-treinador leonino esteve no Recife nesta terça-feira (10) para uma primeira audiência entre as partes, que poderia resultar até mesmo num acordo entre as partes. Porém, o encontro foi cancelado, com a nova data para a audiência de instrução sendo dia 19 deste mês.

Aos mais próximos, Eduardo Baptista revelou que tem a intenção de fazer um acordo amigável com o Sport, para que as duas partes não saiam prejudicadas. A reportagem da Folha tentou contato com o Departamento Jurídico do Sport, mas não obteve sucesso.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: