Tiago divide liderança com o grupo e fala sobre “maratona” de clássicos diante do Santa

Zagueiro foi o capitão na estreia do Náutico em 2017

Tiago e Páscoa formarão a zaga titular no clássicoTiago e Páscoa formarão a zaga titular no clássico - Foto: Anderson Stevens

O primeiro de, no mínimo, seis. Vai ter muito Clássico das Emoções em 2017. Serão quatro jogos entre Náutico e Santa Cruz só neste primeiro semestre, um em cada mês, válidos pelo Campeonato Pernambucano e pela Copa do Nordeste. Uma maratona de encontros atípica que tem chamado atenção dos jogadores alvirrubros.

“É difícil acontecer isso, com jogos praticamente intercalados. É um desgaste físico e mental. Sabemos que a cidade para em um clássico. É um campeonato diferente e precisamos nos preparar bem. Vamos jogar no domingo e depois no outro sábado já tem partida contra eles de novo, na Copa do Nordeste. É uma loucura. Mas não adianta pensar no que vem ainda. Precisamos dar um passo de cada vez, jogo após jogo”, afirmou Tiago Alves.

O zagueiro foi o capitão do Náutico na estreia do time na Copa do Nordeste, diante do Uniclinic/CE. A escolha aconteceu por conta da ausência de Marco Antônio, que estava machucado. O meia ainda é dúvida para o clássico e, se não tiver condições, Tiago Alves pode ser novamente o escolhido para colocar a braçadeira. Mas ele faz uma ressalva.

“Independente ser capitão ou não, o ideal é que todos se comuniquem para que a gente tenha 11 capitães em campo. Temos que dividir essa carga. Marco Antônio é uma liderança do grupo, assim como outros jogadores. Estava aqui ano passado e foi nosso capitão. Mas todos podem falar, assim como eu fiz”, destacou.

Veja também

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid
Futebol

No Paraná, jogadores são afastados após suspeita de fraude em teste de Covid

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas
Futebol Internacional

Presidente da UEFA diz que semifinais da Liga dos Campeões não estão ameaçadas