Esportes

"Torcerei pelo Santa para sempre", diz Danny Morais

Zagueiro se despediu do clube tricolor após dois anos; Destino será a Coreia do Sul

Dep. Felipe Carreras (PSB-PE)Dep. Felipe Carreras (PSB-PE) - Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O fim de um ciclo no Santa Cruz. Após as saídas de Grafite e de Keno, foi a vez de Danny Morais se despedir do Tricolor do Arruda. O zagueiro irá jogar na Coreia do Sul, e esclareceu detalhes sobre a sua saída, já que tinha acertado renovação com clube coral.

"Minha família queria isso, eu queria isso também. E deixamos bem claro de que no Brasil, eu só jogaria no Santa Cruz", disse Danny. O jogador havia combinado com a diretoria a permanência para o time de 2017, caso não houvesse uma proposta do exterior.

Os detalhes da transação foram confirmados pelo presidente do Santa, Alírio Moraes. "Se ele recebesse um convite que fosse importante para a carreira dele como jogador e financeiramente, a gente poderia concordar", disse.

Este não será o primeiro desafio de Danny na Ásia. Em 2014, o zagueiro atuou pelo Ettifaq, da Arábia Saudita, antes de retornar para o Brasil. Em 2015, chegou ao Santa, e de lá para cá, disputou mais de 100 partidas com a camisa coral, marcando dois gols. "Agradeço e torcerei pelo Santa para sempre, e espero um dia retornar. Foi um prazer estar com todos vocês", completou.

Alírio Moraes ainda agradeceu aos serviços de Danny, e relembrou a importância do atleta na história recente do Santa. "Ele é um jogador que assumiu uma função muito importante no Santa Cruz, sempre foi um defensor das causas do clube", encerrou.


Veja também

Com missão delicada, Sport recebe o Atlético-MG, na Arena de Pernambuco, pela Copa do Brasil
Copa do Brasil

Com missão delicada, Sport recebe o Atlético-MG, na Arena de Pernambuco, pela Copa do Brasil

"Não podemos mais oscilar", Paulo Sérgio prega virada de chave no Náutico na partida contra o Remo
Náutico

"Não podemos mais oscilar", Paulo Sérgio prega virada de chave no Náutico na partida contra o Remo

Newsletter