Uilian Correia é suspenso por doping

Na urina do atleta foi encontrada a substância proibida de acordo com o Regulamento de Controle de Doping da Fifa

Tadeu Alencar teve agenda no SertãoTadeu Alencar teve agenda no Sertão - Foto: Assessoria de imprensa/Divulgação

O volante Uillian Correia está preventivamente suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por ter sido pego no exame anti-doping. O resultado foi obtido em coleta após a partida entre Santa Cruz x Chapecoense, realizada no dia 7 de setembro, na Arena Pernambuco. O atleta foi suspenso por 30 dias e, se confirmada a infração, o jogador poderá ser punido por até quatro anos.

Na urina de Uillian foi encontrada substância "higenamine", proibida de acordo com o Regulamento de Controle de Doping da Fifa / Confederação Brasileira de Futebol e pela Agência Mundial Anti-doping. O STJD determinou ainda a abertura de vista para que clube e atleta se manifestem sobre o resultado no prazo de até cinco dias.

Confira abaixo parte da notificação enviada na última quinta-feira, dia 20 de outubro, ao clube, Federação Pernambucana, Controle de Doping da CBF e a ABCD:
Rio, 20/10/2016.

"Comunicamos que o Dr. Auditor Presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Dr. Ronaldo Botelho Piacente, de acordo com o disposto no Art.102 do CBJD, aplicou a suspensão preventiva por 30 (trinta) dias ao atleta Uillian Correia Granemann do Santa Cruz F.C. Determinou, outrossim, a abertura de vista ao atleta, para que apresente, no prazo de 05 (cinco) dias, defesa escrita e provas que pretender produzir."

Segundo departamento jurídico do Santa Cruz, o clube vai apresentar a defesa ainda nesta segunda-feira. O Santa Cruz não sofrerá consequências, mas como o atleta tem contrato é papel do clube defende-lo. “É muito preliminar falar como vamos defender. O jurídico ainda não conversou com ninguém do Departamento Médico e nem o atleta”, disse o advogado Eduardo Lopes.

Veja também

Olympique de Marselha aguarda resposta de Sampaoli
Futebol

Olympique de Marselha aguarda resposta de Sampaoli

Remo e Brasiliense disputam título inédito da Copa Verde nesta quarta
Copa Verde

Remo e Brasiliense disputam título inédito da Copa Verde nesta quarta