US Open se desculpa com tenista que tirou a blusa em partida

Ao perceber que sua camisa estava do avesso, Alizé a tirou e colocou novamente, sendo advertida pelo juiz de cadeira

Alizé CornetAlizé Cornet - Foto: Reprodução

A organização do Aberto dos Estados Unidos emitiu um comunicado oficial se desculpando pela advertência sofrida por Alizé Cornet na partida da última terça-feira (28). A tenista foi advertida pelo juiz de cadeira por trocar de camisa durante a partida.

O incidente aconteceu durante o jogo contra a sueca Johanna Larsson. Ao perceber que sua camisa estava do avesso, Alizé a tirou e colocou novamente. A advertência gerou diversas críticas sobre sexismo, já que é comum ver tenistas homens trocando de camisa durante os jogos.

"Lamentamos que uma advertência de violação do código tenha sido dada a sra. Cornet. Esclarecemos a política para garantir que isso não volte a acontecer. Jogadoras, se quiserem, também podem trocar suas camisas em um local mais privado próximo à quarta. Não será concedido uma pausa para o banheiro nessas circunstâncias", disse a organização.

Alizé acabou derrotada ainda na primeira rodada do Aberto. A francesa perdeu por 2 sets a 1: 6/4, 3/6 e 2/6.

Leia também:
Federer supera japonês e avança no US Open
Nadal e Serena Williams vencem no primeiro dia do US Open

Veja também

"Vou pensar se saio ou se fico", diz Felipão após livrar Cruzeiro da Série C
Futebol

"Vou pensar se saio ou se fico", diz Felipão após livrar Cruzeiro da Série C

Empresário Josenildo Dody confirma pré-candidatura à presidência do Santa Cruz
Eleições

Empresário Josenildo Dody confirma pré-candidatura à presidência do Santa Cruz