Vergonha na cara e alívio: Santa Cruz muda postura

Técnico Júnior Rocha admite que o elenco estava sentindo pressão e elogia comportamento dos jogadores

Jogadores comemoram um dos gols contra o TrezeJogadores comemoram um dos gols contra o Treze - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Após a primeira vitória na temporada – sobre o Treze/PB pelo placar de 3x0, no Arruda, pela 2ª rodada do Grupo A da Copa do Nordeste – , o técnico Júnior Rocha não escondeu o sentimento de alívio ao encerrar o incômodo jejum de seis partidas. Na entrevista coletiva, chegou a revelar que os seus comandados estavam sentindo uma pressão maior pela falta de resultados positivos.

“Não tem nada melhor que uma vitória. Coroa o trabalho que vem sendo feito. Era pra ter sido antes. A oscilação pressionou o time. Conversei com os atletas coletivamente e individualmente para saber se a pressão vinha atrapalhando ou era questão do modelo de jogo. Gosto de dividir as responsabilidades. A vitória alivia bastante o ambiente”, declarou.

Leia também: 

Santa Cruz espanta a zica e vence a primeira em 2018 

Júnior Rocha celebra "melhor jogo do ano", após vitória 

O treinador coral ainda reforçou que a cobrança mais forte era necessária, tanto da diretoria como dos próprios jogadores do elenco. O “puxão de orelha” fez o time mudar de postura. Além disso, ele elogiou mais uma vez o comportamento dos atletas.

“Eu não tenho medo das minhas convicções. Confio que vai dar certo. Já pedi calma, até porque precisamos de tempo. Infelizmente, existe todo um processo. O melhor é começar ganhando, mas às vezes é dolorido mesmo. Não adianta só o treinador cobrar. Precisava dessa conversa entre eles. Não posso aqui ficar motivando atletas. Isso é algo que todos devem ter. Eu tenho os meus motivos de estar aqui. Essa mudança de atitude foi fundamental para nós. Foi cobrado vergonha na cara de todos”, afirmou.

Veja também

Tribunal desportivo autoriza Flamengo a transmitir final da Taça Rio
Campeonato Carioca

Tribunal desportivo autoriza Flamengo a transmitir final da Taça Rio

Barcelona vence dérbi com duas expulsões e VAR
Futebol

Barcelona vence dérbi com duas expulsões e VAR