[Vídeo]: Barcelona e Real realizam testes de coronavírus

Os testes de Covid-19, cujos resultados são anunciados em 48 horas, são o passo prévio estipulado no protocolo sanitário para possibilitar a volta aos treinos

Barcelona x Real MadridBarcelona x Real Madrid - Foto: LLUIS GENE / AFP

Os jogadores de Real Madrid e Barcelona, assim como outras equipes do Campeonato Espanhol, começaram nesta quarta-feira (6) a ser submetidos a testes de detecção do coronavírus, um importante passo para a retomada do futebol na Espanha.

Equipados de máscaras, como o atacante francês Antoine Griezmann, ou sem a proteção, como o capitão Lionel Messi, os jogadores do Barcelona foram chegando um a um pela manhã ao centro de treinamento do clube na capital catalã, constatou a AFP.

Assim como os rivais, atletas do Real Madrid como o francês Karim Benzema ou o belga Eden Hazard estiveram cedo na cidade esportiva merengue, no arredores da capital espanhola, para a realização de exames médicos. Estes testes de coronavírus, cujos resultados são anunciados em 48 horas, são o passo prévio estipulado no protocolo sanitário para possibilitar a volta aos treinos.

"Foi um período muito diferente para nós, nunca ficamos tanto tempo sem contato com a bola e temos muita vontade de começar a jogar e que tudo recomece", afirmou o meia do Atlético de Madrid Marcos Llorente, em vídeo publicado nas redes sociais do clube.

Os jogadores do Atlético, assim como o técnico Diego Simeone, também realizaram testes de detecção do coronavírus nesta quarta-feira para voltar a treinar em 48 horas caso os resultados sejam satisfatórios.

Leia também:
Barcelona aplicará testes de coronavírus nos jogadores na quarta-feira
Se o Espanhol não voltar, Barcelona tem que ser declarado campeão, diz Rakitic
Jogadores na Espanha vivem entre o medo do coronavírus e a vontade de jogar

'Prontos para voltar'
"A cada semana nos mandavam treinos adaptados para cada jogador e acredito que estamos prontos para voltar", completou Llorente. Alem de Barça, Atlético e Real Madrid, outras equipes do Campeonato Espanhol, como Sevilla, Celta e Valladolid, também realizaram exames nesta quarta-feira.

Nesta primeira fase, seguindo o protocolo sanitário da LaLiga, entidade que rege o Campeonato Espanhol, os treinos serão individuais com, no máximo, seis jogadores por campo de jogo. Os jogadores receberão digitalmente na véspera seus exercícios e o horário em que terão que comparecer ao centro de treinamento.

Os atletas terão que ir aos treinos de carro e já vestidos com o uniforme de treino. Enquanto não estiverem treinando, serão obrigados a usar máscara e luvas. Após a sessão de treinos, receberão uma bolsa com a roupa do dia seguinte. Depois desta primeira fase, a LaLiga prevê adotar um treinamento em pequenos grupos, antes de autorizar coletivos com toda a equipe.

"A saúde é primordial, por isso temos um protocolo integral para proteger a saúde de todos os envolvidos", afirmou na segunda-feira (4) o presidente da LaLiga, Javier Tebas, completando que "esperamos começar a jogar novamente em junho e terminar nossa temporada 2019-2020 neste verão (junho-setembro)".

Os clubes espanhóis puderam retomar suas atividades após o governo do país relaxar as medidas de confinamento, colocadas em prática para combater o avanço da pandemia do coronavírus.

A Espanha é um dos países mais atingidos pela doença, com 25.857 mortes e 220.325 infectados desde o início da epidemia, de acordo como o último balanço publicado nesta quarta-feira.

Veja também

Pedro Barros brilha e fica com a prata no skate park
Jogos Olímpicos

Pedro Barros brilha e fica com a prata no skate park

Darlan Romani chega perto de novo, mas não vai ao pódio no arremesso de peso
Jogos Olímpicos

Darlan Romani chega perto de novo, mas não vai ao pódio no arremesso de peso