[Vídeo] Torcida do Irã perturba sono de Portugal

Pela janela, Cristiano Ronaldo chegou a pedir trégua. Irã e Portugal se enfrentam na tarde desta segunda (25)

Torcedores do Irã fizeram barulho em frente ao hotel de PortugalTorcedores do Irã fizeram barulho em frente ao hotel de Portugal - Foto: Juan Barreto/AFP

Torcedores iranianos 'armados' com vuvuzelas perturbaram o descanso da seleção de Portugal na véspera da partida desta segunda-feira (25), contra o Irã, o que obrigou Cristiano Ronaldo a pedir que parassem o barulho, publicou a imprensa portuguesa.

Em um vídeo amador obtido pelo canal português SIC é possível observar o capitão de Portugal gesticulando de uma varanda no hotel de Saransk, com as mãos apoiadas na cabeça, como se pedisse que o deixassem descansar.

De acordo com a Rádio Renascença, a intervenção do craque português não teve sucesso e os torcedores retomaram o barulho poucos minutos depois, o que obrigou a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) a solicitar um reforço do dispositivo policial no arredores do hotel. A calma foi restabelecida às 0h30 locais.

Leia também:
Portugal enfrenta treinador 'pai' de CR7 contra o Irã
Técnico de Portugal reclama após sufoco do Marrocos
Portugal leva pressão do Marrocos, mas é salvo por CR7
Espanha e Portugal empatam com direito a três gols de CR7

Procurado pela AFP, a Federação Portuguesa preferiu não comentar a situação, mas um integrante da delegação declarou que "as imagens falam por si só". Outro vídeo exibido pela SIC mostra torcedores gritando nas ruas, diante do hotel da seleção portuguesa. Portugal e Irã se enfrentam nesta segunda-feira (25), às 15h, pela terceira rodada do Grupo B. Cristiano Ronaldo e seus companheiros precisam apenas do empate para garantir a vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo.




Veja também

Conmebol defende Copa América e diz que torneio não foi feito 'às pressas'
Futebol

Conmebol defende Copa América e diz que torneio não foi feito 'às pressas'

Eriksen não teve Covid, nem foi vacinado, diz diretor da Inter de Milão
Futebol

Eriksen não teve Covid, nem foi vacinado, diz diretor da Inter de Milão