Futebol

Juventude vence e decreta rebaixamento do Sport

Leão, 19º colocado da Série A, com 33 pontos, não possui mais chances de deixar a zona de rebaixamento

Gustavo, meia do SportGustavo, meia do Sport - Foto: Anderson Stevens/ Sport Club do Recife

O que começa bagunçado, termina... rebaixado! E sem precisar entrar em campo. Assim foi decretada a queda do Sport para a Série B de 2022. Na noite desta terça-feira (30), o Leão viu o Juventude derrotar o RB Bragantino por 1x0 e tirar qualquer possibilidade de a equipe escapar da degola matematicamente. Agora, a distância dos pernambucanos (19º, com 33) para o primeiro time fora do Z-4, o Athletico-PR (16º, com 42), é de nove pontos, faltando três rodadas para o término da competição. Na pontuação, os rubro-negros até poderiam igualar o Furacão, mas ficariam atrás no número de vitórias. 

O Sport é o segundo clube a ter a queda decretada nesta edição do Brasileiro. O primeiro foi a Chapecoense, que perdeu qualquer possibilidade de se manter na Série A ainda na 31ª rodada. No caso do Leão, a equipe comandada por Gustavo Florentín viu as esperanças serem renovadas depois de bater o Bahia. No entanto, ao "folgar" ao longo da úlima semana, por ter jogos a mais na tabela, e perder para o São Paulo no sábado, o clube da Ilha do Retiro viu os concorrentes diretos pontuarem e tirarem qualquer chance de reviravolta.

Com o descenso, o Sport chega ao quarto rebaixamento na era dos pontos corridos. Estreante neste modelo de disputa em 2007, o Rubro-negro caiu em 2009 (31 pontos), em 2012 (41 pontos) e em 2018 (42 pontos). Na atual temporada, o Leão soma 33 e pode repetir a pontuação da última queda, caso passe por Flamengo, Chapecoense e Athletico-PR nas três rodadas finais, em sequência cansativa. 

Florentín e companhia encaram o Flamengo nesta sexta-feira (3), na Arena de Pernambuco, e seguem viagem para Santa Catarina, onde visitarão a Chapecoense, na segunda-feira (6), em Chapecó. Logo em seguida, o time da Praça da Bandeira retorna à capital pernambucana e entra em campo na quinta-feira para se despedir da competição perante o Furacão, em São Lourenço da Mata. A logística apertada se dá pelo fato de a CBF ter mudado a data do confronto com os cariocas para o início de dezembro. Antes, o duelo estava previsto para 24 de novembro, às vésperas da final da Libertadores.

Veja também

Brasileiros atingem top 6 no Mundial Paralímpico de esportes na neveMundial

Brasileiros atingem top 6 no Mundial Paralímpico de esportes na neve

Santos Dumont receberá pela primeira vez o Troféu José FinkelNatação

Santos Dumont receberá pela primeira vez o Troféu José Finkel