Zidane espera CR7, Isco e Carvajal na final da Liga

Embora estejam tratando lesões, os jogadores são esperados por Zidane para a final da Champions, no dia 26 de maio

Técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane Técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane  - Foto: BIEL ALINO / AFP

Cristiano Ronaldo sofreu uma leve entorse no tornozelo direito, mas já caminha e estará "150%" pronto para defender o Real Madrid na final da Liga dos Campeões contra o Liverpool, marcada para o dia 26 de maio. Foi o que afirmou, nesta terça-feira (8), o técnico Zinedine Zidane. "É uma entorse, mas não há danos particulares, é só uma pequena entorse e seu tornozelo está estável", explicou Zidane em coletiva de imprensa.

O CR7 se machucou ao marcar o primeiro gol do Real Madrid contra o Barcelona (2x2), aos 15 minutos de jogo do clássico do Campeonato Espanhol, no último domingo (6). Na partida, o português foi substituído no intervalo por Marco Asensio. "Embora não sabemos quando vai voltar à equipe, o fato de (já estar andando) 48 horas depois mostra seu compromisso, sua vontade de querer jogar", elogiou o treinador francês.

Leia também:
Final da Champions será exibida em cinemas do Recife
Real Madrid segura o Bayern e vai à final da Champions
Liverpool perde da Roma, mas volta à final da Champions 

Zidane completou que tem "150%" de certeza que Cristiano Ronaldo, Isco (lesão no ombro) e Carvajal (coxa) estarão prontos para disputar a final da Champions em Kiev. O objetivo de Zidane é já poder contar com todo o elenco para a última rodada do Campeonato Espanhol contra o Villarreal, no dia 19 de maio, uma semana antes da final continental. Em relação ao duelo contra o Liverpool, que poderá valer ao Real Madrid um terceiro título consecutivo da Champions, Zidane espera "um jogo espetacular e aberto".

Veja também

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite
Copa América

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto
Futebol

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto