FESTA

250 mil pessoas circularam pelo FIG

Fernanda Abreu, Marina Lima e Martn'ália comandaram a festa no último final de semana

O encontro de Márcia Souto, Fernanda Abreu e Marcelino GranjaO encontro de Márcia Souto, Fernanda Abreu e Marcelino Granja - Foto: Elimar Pereira/Divulgação

O Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) encerrou no último sábado (28) com um bom resultado e uma programação bem diversificada. O Palco Mestre Dominguinhos, maior polo do FIG, recebeu um público de 250 mil pessoas nos dez dias de festa. O destaque deste último fim de semana foi o show de Fernanda Abreu. A carioca cantou, rebolou e, para desespero da segurança, convidou vários fãs ao palco para dançar funk com ela. "Amo Pernambuco e mais ainda a receptividade do povo daqui", declarou.

 

Almério, Edylza Ayres e Márcia Souto

Foto: Almério, Edylza Ayres e Márcia Souto
Créditos: Elimar Pereira/Divulgação

 

Na sexta-feira (28), Mart'nália levou vários amigos pernambucanos para seu show em Garanhuns. Na comitiva, Rosália Zirpoli, Amanda Campos e Carla Bensoussan. A sambista é puro carisma e, no Garanhuns Palace, atendeu e fez fotos com todos os garçons que estavam de serviço.

 

Mart'nália e Taciana Portella nos bastidores

Foto: Mart'nália e Taciana Portella nos bastidores
Créditos: Elimar Pereira/Divulgação

Marina escolheu um look preto para o show

Foto: Marina escolheu um look preto para o show
Créditos: Divulgação

Saulo Gouveia, da Kaeru Produtora, com Marina nos bastidores

Foto: Saulo Gouveia, da Kaeru Produtora, com Marina nos bastidores
Créditos: Divulgação

 

Já no sábado (28), Marina Lima surpreendeu todo mundo no Palco Pop. Fez um show irretocável com vários hits de sua carreira, para deleite do público. O público da noite foi considerado o maior deste ano no palco alternativo, por esse motivo Marina não conseguiu atender a grande quantidade de fãs após o show. Mesmo gripada, ela fez um show que misturou antigos sucessos e novas composições.

Outro espaço que foi destaque foi o palco da Cultura Popular Ariano Suassuna que contou com um público rotativo de 2.500 pessoas por dia. A partir deste ano de 2017, o espaço recebeu novo nome, homenageando Ariano Suassuna.    

 

Mariene de Castro e Gilmar Bola 8

Foto: Mariene de Castro e Gilmar Bola 8
Créditos: Elimar Pereira/Divulgação

 

Veja também

Amazonas receberá cota extra de vacinas para frear pandemia
Coronavírus

Amazonas receberá cota extra de vacinas para frear pandemia

Avião com doses da vacina de Oxford, produzida na Índia, chega ao Rio
Coronavírus

Avião com doses da vacina de Oxford, produzida na Índia, chega ao Rio