A escolha da colunista

Por esses dias, participei de uma degustação a convite da Grand Cru, no Recife, do espumante Grand Cuvée extra dry produzido pela vinícola Terra Serena.

Abertyura oficial do 29º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG)Abertyura oficial do 29º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) - Foto: Heudes Régis /SEI

Difícil eu indicar produto de ma­neira enfática por aqui, mas em se tratando de espumante, acho que tenho uma certa, digamos, propriedade para fazê-lo. Afi­nal, é a minha bebida preferida e sempre exploro rótulos desconhecidos quando são recomendados por gente que entende do riscado mais do que eu. Por esses dias, participei de uma degustação a convite da Grand Cru, no Recife, do espumante Grand Cuvée extra dry produzido pela vinícola Terra Serena.
Feito na região clássica dos pro­­secco - mas não é um deles -, o vinho tem borbulhas médias e é resultado da união de uvas típi­cas do país: glera, trebbiano e ver­­duzzo. Gostei do sabor, da cor (um amarelo palaha discreto) e do preço. Tem uma ótima relação qualidade preço, sai a R$ 45 a garrafa. O valor é extremamen­te competitivo com rótulos nacionais, inclusive. Segundo o distribuidor local, tem saído “de ro­do” para serviço em casamentos. Acho uma boa aquisição para o brinde de Ano Novo, se você não tem bala na agulha para estourar uma champa original. Pedidos nos restaurantes The Black An­gus, que sediam a distribuidora Grand Cru no Recife: 3031.8081.

Queijo do reino à francesa
Quem diria que a marca francesa de laticínios, Président, estaria focando em uma iguaria tão luso-brasileira quanto o queijo do reino. Pois o queijo em formato de bola tão presente nas mesas de fim de ano integra a linha de ingredientes exclusivos no Brasil, assinados pela grife. Seguindo o padrão dos concorrentes, o queijo amarelo com casca rosa vem embalado em latas colecionáveis ilustradas com cenas da vida cotidiana dos franceses. O produto tem preço sugerido de R$ 96,19.

Curso - No apagar das luzes de 2016, ainda dá tempo de aprimorar os dotes culinários. No dia 27, no La Pasta Galleria, o chef André Falcão faz curso de saladas com foco na temporada de alto verão. O investimento é de R$ 100 e informações e inscrições devem ser feitas pelo número 3037.0149.
Abre - O simpático bar Ferro Velho Botequim, no Parnamirim, vai funcionar de 12h às 19h, amanhã, fecha no dia 25. Já no Réveillon, funciona no dia 31 das 12h às 18h, e fecha no dia 1º. O cardápio da casa é variado e tem feijoada aos sábados e cozido aos domingos, por R$ 29,90.
Pitaya - Tem novidade na loja Açaí Concept de Boa Viagem. Além do açaí e do cupuaçu batidos, oferece agora com pol­pa de pitaya, uma frutinha graúda gelatinosa e sementes pretas, típica no México. É rica em vitaminas A e C e tem poucas calorias.
Nas Graças - Givanildo Francisco, Bruno Lima e Natália Lima inauguraram, essa semana, a Frutteto Hortifruti, uma mercearia com frutas e legumes orgânicos e não orgânicos, itens de panificação, mercearia, carnes e bebidas. Também faz delivery na vizinhança.