Ação no Sertão apreende mais de cem quilos de maconha; estudante de direito está entre os detidos

Ação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) ocorreu nesta quinta (30) e na sexta (1)

Apreensões ocorreram nesta quinta (30) e sexta-feira (1) no Sertão pernambucanoApreensões ocorreram nesta quinta (30) e sexta-feira (1) no Sertão pernambucano - Foto: Divulgação

Pelo menos mais de cem quilos de maconha foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em ações iniciadas nesta quinta-feira (30) e finalizadas na madrugada de hoje no Sertão de Pernambuco. Belém do São Francisco, Salgueiro e Floresta foram as cidades-alvo da operação denominada "Tupã".

Entre as prisões está a de um estudante de Direito, 20 anos, detido pelo transporte de 34 Kg da droga. Ele também transportava três rádios comunicadores no porta-malas de um carro com placa da Bahia. Já no Km 26 da mesma rodovia, em Salgueiro, outro carro ocupado por outros dois homens, de 27 e 24 anos, foi abordado e após verificação do veículo 3 Kg de maconha foram localizados na caixa de som.

 

Leia também:
Estados dizem que quase 5 mil policiais foram afastados por suspeita de Covid-19
Polícia deflagra operação para prender traficantes que realizavam torturas
Polícia prende suspeitos de furtar 15 mil testes de coronavírus em SP

E em outro flagrante, na madrugada desta sexta-feira (1) no Km 82 da BR 116, em Belém de São Francisco, um homem de 28 anos foi detido e uma adolescente, de 17, foi apreendida pelo transporte de 25 Kg da droga, no compartimento de carga de um carro.  Na mesma BR outros dois homens, de 44 e 23 anos, portando 55 Kg de maconha foram abordados e levados para o posto da PRF do Trevo do Ibó. A dupla transportava a droga que estava pronta para o consumo dentro de sacos de lixo, no porta-malas de um carro modelo sedan.



 

Veja também

EUA confiam plenamente em que Brasil terá eleições 'livres e justas'EUA e Brasil

EUA confiam plenamente em que Brasil terá eleições 'livres e justas'

Acordo México-EUA ressuscita política migratória da era TrumpEUA e México

Acordo México-EUA ressuscita política migratória da era Trump