Solidariedade

Ação social oferta de forma gratuita atendimentos psicológicos

A iniciativa que é focada em apoiar familiares de internados e vítimas fatais da Covid-19 e profissionais da linha de frente do combate à pandemia

Atendimento psicológicoAtendimento psicológico - Foto: Divulgação

Uma ação social para dar apoio às pessoas que são familiares de internados ou de vítimas fatais da Covid-19 e a profissionais da linha de frente do combate à pandemia vai ofertar gratuitamente atendimentos psicológicos gratuitos em todo o Brasil. SulAmérica e o Psicologia Viva são parceiros no projeto, que pretende atender cerca de 35 mil pessoas. As marcações dos atendimentos serão iniciadas no dia 12 de abril e seguem até 11 de maio. 

Cada pessoa poderá participar de até três sessões, que serão sugeridas pelos psicólogos. Ao entrar no sistema do Psicologia Viva para agendar sua sessão, o participante preencherá um cadastro simples e poderá escolher o profissional que fará seu atendimento, a partir de um descritivo de cada psicólogo. 

“Os problemas com a saúde emocional têm aumentado exponencialmente por causa da pandemia. Temos visto o quanto as pessoas precisam de auxílio e, por isso, estamos lançando esta ação social com nosso parceiro Psicologia Viva. Estar bem emocionalmente é fundamental para manter as saúdes física e financeira em equilíbrio, pois está tudo conectado”, afirma a vice-presidente de Capital Humano e Sustentabilidade da SulAmérica, Patrícia Coimbra. 
 



Segundo a superintendente de Serviços Médicos da SulAmérica, Raquel Imbassahy, a saúde emocional continua sendo muito afetada na pandemia. “Saltamos de 500 atendimentos de setembro a dezembro de 2019 para 50 mil em 2020, no mesmo período. No ano passado, foram quase 90 mil atendimentos, dos quais 53% eram casos de ansiedade, seguido por depressão (15,5%) e estresse (8%)”, afirma. 

De acordo com a SulAmérica, todos os atendimentos serão realizados de forma virtual para todo o País, com agendamento prévio, por psicólogos do Psicologia Viva, que estarão disponíveis até o dia 11 de maio. 

 

Veja também

Rússia proíbe a entrada do diretor do FBI e de diretora da inteligência dos EUA
Mundo

Rússia proíbe a entrada do diretor do FBI e de diretora da inteligência dos EUA

Bebê de 8 meses morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular em Araçoiaba
Grande Recife

Bebê de 8 meses morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular em Araçoiaba