Ações contra a violência ao idoso oferecem serviços gratuitos na Praça do Derby

Atividades são parte de campanha de sensibilização contra a violência à pessoa idosa

Serviços para idososServiços para idosos - Foto: Kleyvson Santos/ Folha de Pernambuco

O Governo de Pernambuco realiza, na manhã desta quarta-feira (26), no Recife, uma série de ações que fazem parte de uma campanha de conscientização contra a violência à Pessoa Idosa. Estão sendo oferecidos serviços como vacinação contra a gripe, aferição de pressão e glicemia e orientações sobre os direitos do público acima dos 60 anos. As ações acontecem na Praça do Derby, na região central da capital pernambucana, e vão até as 12h.

Leia também:
HCP alerta sobre riscos do tabagismo à saúde; câncer de pulmão avança entre mulheres
A musculação e os idosos

O evento é parte das comemorações do Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, que aconteceu no último dia 15 de junho. Lucyana Moreira, coordenadora de defesa e promoção da Pessoa Idosa, afirma que este tipo de violência costuma ser silenciada, pois as vítimas não costumam denunciar os agressores. Para a coordenadora, a participação no evento não deve ser restrita aos idosos, pois “a conscientização deve atingir toda população". 

Umberto Vasconcelos, 72, aproveitou a presença do Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor (Procon) para resolver pendências pessoais. Umberto destacou a violência doméstica que costuma ser sofrida pelos idosos, além de situações corriqueiras que, por vezes, passam despercebidos. Para ele, “os idosos sofrem nas clínicas médicas, nos hospitais, e até nos ônibus”, destaca o aposentado, que relatou que costuma enfrentar situações constrangedoras para utilizar os assentos reservados no transporte coletivo.

Nos três primeiros meses de 2019, o Centro Integrado de Atenção e Prevenção à Violência Contra a Pessoa Idosa (Ciappi) da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco registrou um aumento de quase 140% nas denúncias de casos nos quais pessoa idosas foram vítimas de violência em relação ao mesmo período do ano passado. Entre as denúncias mais comuns estão casos de negligência, violência psicológica e financeira.

Serviços

As denúncias de violência contra o idoso podem ser feitas pelos seguintes telefones:

Disque 100

Delegacia do Idoso
(81) 3184-3773

Ouvidoria Social da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ)
0800 081 4421

Ouvidoria da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH)
(81) 3183-3055

Veja também

Após reunião com Anvisa, governo decide esperar antes de novas medidas contra ÔmicronBrasil

Após reunião com Anvisa, governo decide esperar antes de novas medidas contra Ômicron

PF apreende 167 quilos de cocaína na divisa de Pernambuco com CearáNordeste

PF apreende 167 quilos de cocaína na divisa de Pernambuco com Ceará