Acusado de triplo homicídio na RMR é preso na Paraíba

Saulinho de 21 anos, acusado de ter cometido diversos homicídios em toda a Região Metropolitana do Recife, entre eles um triplo homicídio, vitimando três mulheres, no bairro do Bom Sucesso, em Olinda.

Coletiva na Polícia Civil sobre a prisão de Saulo Tassio. Coletiva na Polícia Civil sobre a prisão de Saulo Tassio.  - Foto: Rafael Furtado/ Folha de Pernambuco

Foi preso na Paraíba Saulo Tassio dos Santos Silva, conhecido por Saulinho, de 21 anos, acusado de ter cometido diversos homicídios na Região Metropolitana do Recife, entre eles um triplo homicídio, vitimando três mulheres, no bairro do Bom Sucesso, em Olinda.

O mandado de prisão foi cumprido em ação integrada envolvendo a Polícia Militar, a Polícia Civil da Paraíba e a equipe de policiais civis Malhas da Lei da 1ª Divisão de Homicídios Metropolitana Norte. Saulinho foi encontrado na cidade de Bayeux, onde estava morando com a esposa.

Os crimes cometidos por Saulo têm como mandante “Júnior Box”, que atualmente cumpre pena por diversos crimes, mas que, segundo a polícia, continua atuando no tráfico de drogas através de pessoas como Saulinho para a execução de rivais. “Saulinho era aquele soldado escalado para as missões mais cruéis do bando. Se tinha que matar algum rival, alguma mulher, alguma pessoa bem específica, Saulinho era escalado por Júnior Box para cometer os homicídios”, explicou o delegado João Leonardo Cavalcanti, gestor do DHPP Divisão Norte.

Coletiva na Polícia Civil sobre a prisão de Saulo Tassio.

Coletiva na Polícia Civil sobre a prisão de Saulo Tassio. - Crédito: Rafael Furtado/ Folha de Pernambuco

Leia também:
Jovem leva pedrada na cabeça e é internada após tentativa de estupro no Recife
Mulher é assassinada e marido é baleado em Jaboatão

Após o triplo homicídio em Olinda, a Polícia Civil de Pernambuco começou a investigação e entrou com um mandado de prisão preventiva. Com informações de que ele estaria na Paraíba, as forças policiais de Pernambuco e da Paraíba iniciaram um trabalho investigativo e, após uma semana, conseguiram dar cumprimento ao mandado, prendendo Saulinho. Na hora da prisão, não houve nenhuma reação.

Segundo a polícia, a prisão de Saulinho representa uma forte baixa na organização criminosa de Júnior Box. “A gente acredita que, nos próximos meses, nas áreas de Santo Amaro, Olinda e Paulista, vai haver diretamente uma baixa nos homicídios”, afirmou o delegado. Dos sete homicídios em que Saulo é indiciado, quatro foram confirmados por ele em interrogatório, e os outros três possuem evidências claras de sua participação.

Veja também

Nise Yamaguchi processa senadores de CPI e pede ao menos R$ 320 mil por danos morais
CPI da Covid

Nise Yamaguchi processa senadores de CPI e pede ao menos R$ 320 mil por danos morais

São João: dicas para amenizar o desconforto dos pets com os fogos
Folha Pet

São João: dicas para amenizar o desconforto dos pets com os fogos