A-A+

Adiado novamente o início da integração temporal no TI Recife

Falha de comunicação entre os códigos gerados pelos bancos de dados da CBTU e do Grande Recife provocou a mudança

Integração temporal no TI RecifeIntegração temporal no TI Recife - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Foi adiado mais uma vez o início da integração temporal no TI Recife. De acordo com a CBTU Recife e o Grande Recife Consórcio, a nova data para o sistema entrar em operação é a próxima terça-feira (30). Uma falha de comunicação entre os códigos gerados pelos dois bancos de dados provocou a mudança. O erro só foi percebido no início da conversão entre os sistemas gerados pela Urbana e pela CBTU.

Funcionários do Grande Recife orientam os passageiros sobre o adiamento e prosseguem com as ações educativas até a implantação. O processo de mudança, que estava prevista inicialmente para valer a partir de dezembro do ano passado, foi adiado para essa segunda-feira (22) e posteriormente para esta terça-feira (23). Quando o sistema começar a valer, os usuários deverão embarcar apenas com o VEM, tanto na integração metrô-ônibus, quanto na ônibus-metrô. Os passageiros terão duas horas para passar o cartão sem o pagamento de uma nova tarifa.

Leia também:
TI Recife começa a operar apenas por integração temporal
Metrô inicia sistema de integração temporal

Na integração ônibus-metrô, os usuários das linhas 101 – Circular (Conde da Boa Vista), 104 – Circular (IMIP), 107 – Circular (Cabugá/Prefeitura), 116 – Circular (Príncipe) e 117 – Circular (Prefeitura/Cabugá), que compõem o TI Recife, terão de sair por uma portaria recém instalada na lateral do terminal e entrar novamente na Estação do Metrô. Desta forma, o passageiro terá de aproximar o cartão VEM à catraca do metrô para ter acesso às plataformas, também sem a cobrança de uma nova tarifa.

Segundo o superintendente da CBTU, Leonardo Villar, a empresa que realiza a manutenção nos equipamentos foi acionada para corrigir o problema. "Acredita-se que até o dia 30 tenhamos isso resolvido. Se não ficar resolvido, a gente adia outra vez. O mais importante é que o direito do usuário seja garantido", ponderou.

Os passageiros não poderão mais pagar a tarifa com dinheiro, apenas com VEM. O VEM Comum será comercializado no TI Recife ou dentro dos ônibus com os cobradores, no valor de R$ 10 e sem a cobrança da taxa de aquisição do cartão. Em caso de dúvidas, sugestões ou reclamações o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente, no 0800 081 0158, ou via WhatsApp para reclamações, o (81) 9.9488-3999.

Veja também

Barroso elogia proposta de reforma eleitoral aprovada pelo Congresso
REFORMA ELEITORAL

Barroso elogia proposta de reforma eleitoral aprovada pelo Congresso

Adolescente é atingido com tiro de raspão e recebe coronhada durante assalto no Recife
Polícia

Adolescente é atingido com tiro de raspão e recebe coronhada durante assalto no Recife